Marlon Vera supera movimentação de Dominick Cruz e apaga ex-campeão com nocaute brutal no UFC San Diego

Equatoriano se aproveita de descuido rival, que entregava atuação convincente, e avança no sonho de disputar o cinturão dos galos

M. Vera (dir.) nocauteou D. Cruz (esq.) no UFC San Diego. Foto: Reprodução/Instagram

Desfecho perfeito para Marlon Vera. Um dos protagonistas na luta principal do UFC San Diego, realizado neste sábado (13), nos Estados Unidos, o equatoriano passou em grande estilo por Dominick Cruz. Mesmo com o ex-campeão entregando uma boa performance, ‘Tito’ foi capaz de decifrar a movimentação do veterano e, com um chute alto, conquistou um nocaute de forma brutal no quarto round.

Após nova apresentação satisfatória, Vera dá um passo importante no sonho de lutar pelo cinturão dos galos (até 61,2kg.). Atual número cinco no ranking, o equatoriano, agora, acumula quatro resultados positivos em sequência, sendo a última derrota no embate contra José Aldo, em 2020.

PUBLICIDADE:

Considerado por muitos como o melhor peso galo da história, Cruz mostrou a ‘antiga forma’ durante grande parte da disputa. O veterano de 37 anos, porém, acabou sendo vítima de sua própria estratégia, sendo pego com golpe inesperado do adversário e se afastando do sonho de retomar a condição de desafiante ao trono.

A luta

O confronto começou com Dominick partindo para cima com combinações logo nos segundos iniciais. Vera adotava cautela para não cair na armadilha do ex-campeão. Cruz mudava de base na tentativa de confundir o adversário. O norte-americano seguia tomando a iniciativa no embate e intimidava o equatoriano. Após um chute baixo, Marlon conectou um direto, que derrubou o ex-campeão. Cruz conseguiu se levantar e voltou a agredir o oponente. Perto do minuto final, Dominick acuou Vera com uma sequência de socos. Marlon encontrava dificuldades para tocar o ex-campeão, que atuava de forma segura. Quando restavam cerca de 40 segundos para acabar a etapa, Cruz conseguiu uma queda providencial, mas quase foi surpreendido por uma chave de braço. O round acabou com Dominick chutando as pernas de Marlon, no chão.

PUBLICIDADE:

No segundo assalto, Cruz tomou a iniciativa com um jab na linha de cintura do equatoriano. O ex-campeão seguia mostrando a ‘velha forma’, confundindo o adversário com socos e chutes baixos. Com o passar do tempo, Dominick seguia fintando e forçando o rival a errar. Ao longo da luta, o ex-campeão entrava e saía do raio de ação de Vera, sem dar chances ao adversário de contragolpear. Nos segundos finais, Marlon lançou um chute alto, mas o ataque passou no vazio.

O terceiro assalto começou com Cruz lançando uma sequência de chutes baixos, seguida de um cruzado. Com pouco mais de um minuto de embate, Vera balançou o ex-campeão com um cruzado. O norte-americano dobrou os joelhos, mas se levantou rapidamente. Na metade da etapa, o equatoriano parecia ter encontrado a distância para tocar o adversário. Após o susto, Cruz tentava ampliar o volume de golpes, mas lançava muitos ataques no vazio. A etapa acabou com os atletas trocando golpes no centro do octógono.

PUBLICIDADE:

No quarto assalto, Dominick tentou uma queda logo nos segundos iniciais, mas a investida foi bem defendida pelo equatoriano. Com pouco mais de um minuto, Vera voltou a desequilibrar o ex-campeão com um golpe de encontro. Assim como nas vezes anteriores, o norte-americano não acusou o ataque e se levantou rapidamente. Na metade do round, Marlon surpreendeu o norte-americano com um chute alto limpo no rosto. Imediatamente, Cruz caiu desacordado e a peleja foi encerrada.

Estatísticas do UFC San Diego

Resultados do UFC San Diego

CARD PRINCIPAL

PUBLICIDADE:

Peso galo (até 61,2kg.): Marlon Vera derrotou Dominick Cruz por nocaute a 2m12s do R4

Peso pena (até 65,7kg.): Nate Landwehr derrotou David Onama na decisão majoritária dos juízes (29-27, 28-28, 29-27)

Peso palha (até 52,1kg.): Yazmin Jauregui derrotou Iasmin Lucindo na decisão unânime dos juízes (30-27, 29-28, 29-28)

Peso meio-pesado (até 93kg.): Azamat Murzakanov derrotou Devin Clark por nocaute técnico a 1m18s do R3

Peso galo (até 61,2kg.): Priscila Pedrita derrotou Ariane Lipski por nocaute técnico a 1m05s do R1

Peso médio (até 83,9kg.): Gerald Meerschaert finalizou Bruno Blindado com uma guilhotina a 1m39s do R3

CARD PRELIMINAR

Peso casado (até 54,4kg.): Angela Hill derrotou Lupita Godinez na decisão unânime dos juízes (29-28, 29-28, 29-28)

Peso pesado (até 120,2kg.): Martin Buday derrotou Lukasz Brzeski na decisão dividida dos juízes (29-28, 28-29, 29-28)

Peso mosca (até 56,7kg.): Nina Nunes derrotou Cynthia Calvillo na decisão dividida dos juízes (29-28, 28-29, 30-27)

Peso leve (até 70,3kg.): Gabriel Benitez derrotou Charlie Ontiveros por nocaute técnico a 3m25s do R1

Peso mosca (até 56,7kg.): Tyson Nam derrotou Ode Osbourne por nocaute a 2m59s do R1

Peso casado (até 81,6kg.): Josh Quinlan derrotou Jason Witt por nocaute a 2m09s do R1

Peso galo (até 61,2kg.): Youssef Zalal e Da’Mon Blackshear empatara na decisão majoritária dos juízes (29-28, 28-28, 28-28)

Leia Mais sobre: , ,


Confira todos os resultados do UFC Las Vegas 92 Resultados do UFC St. Louis Resultados do UFC 301 Resultados do UFC Las Vegas 91 Resultados do UFC 300