Jon Jones sofre lesão e adia combate contra Daniel Cormier para janeiro

Campeão do UFC machucou joelho e tornozelo; luta principal do UFC 178 passa a ser Demetrious Johnson x Chris Cariaso

J. Jones (foto) defende o cinturão dos meio-pesados em setembro. Foto: Josh Hedges/UFC

J. Jones (foto) sofreu lesão e não poderá lutar em setembro. Foto: Josh Hedges/UFC

A tão aguardada luta entre Jon Jones e Daniel Cormier terá de ser adiada. Na noite desta terça-feira (12), o UFC anunciou que o campeão dos meio-pesados sofreu uma lesão no início da semana, obrigando o combate a ser transferido para o evento de número 182, no dia 3 de janeiro.

De acordo com o site norte-americano “MMA Fighting”, Jones rompeu o menisco de seu joelho esquerdo, além de ter torcido seu tornozelo durante um treinamento de wrestling. Ainda não se sabe se o lutador irá precisar de cirurgia.

LEIA TAMBÉM:
Cormier lamenta notícia: ‘Muito decepcionado’
De violência doméstica a assalto: veja os crimes no MMA
Dillashaw, sobre Barão: ‘Não tem grande variedade de golpes’

Originalmente, o combate entre Jones e Cormier estava marcado para o UFC 178, no dia 27 de setembro, cercado de expectativas após a briga entre os dois lutadores em uma entrevista coletiva. Agora, o duelo entre Demetrious Johnson e Chris Cariaso, válido pelo cinturão dos moscas e inicialmente agendado para o UFC 177, foi transferido para a edição seguinte, assumindo o posto de luta principal da noite.

Esta será a oitava defesa de cinturão por parte de Jones, campeão dos meio-pesados do UFC desde 2011.  Seu adversário original seria Alexander Gustafsson, que deixou o combate por ter lesionado seu joelho.

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments