Holly Holm mira estreia no UFC e desafio a Ronda Rousey para 2015

Ex-pugilista também falou sobre lesões sofridas em 2014, algo até então inédito em sua carreira

H. Holm (foto) está invicta como profissional no MMA. Foto: Reprodução/Facebook

H. Holm (foto) está invicta como profissional no MMA. Foto: Reprodução/Facebook

Quando o UFC anunciou a contratação de Holly Holm, criou-se uma grande expectativa de que a loira pudesse rivalizar com a campeã Ronda Rousey, tanto dentro do octógono quanto no posto de musa da organização. Porém, a espera se transformou em frustração quando Holm se lesionou às vésperas de sua primeira luta, que aconteceria no último dia 6 de dezembro. Agora, Holly já projeta sua estreia no evento para o próximo ano, quem sabe até com direito também a desafiar Ronda.

Veja Também

Cris Cyborg desiste de descer para divisão de peso de Ronda Rousey
Jon Jones e Ronda seguem os passos do UFC e acertam com a Reebok
Miesha Tate sugere que Ronda Rousey mude de desodorante: ‘Ela fede’

“Ano passado eu lutei seis vezes em 12 meses. Neste ano, só uma vez, porque quebrei o braço e tive uma hérnia de disco. Então, o que eu posso fazer. Foram 16 anos sem lesões e acho que não posso reclamar. Só estou tentando me recuperar, sem ficar muito frustrada. Houve muita expectativa para minha primeira luta no UFC, então foi uma grande decepção, especialmente porque eu já estava na reta final do meu camp e já tinha trabalhado duro. Mas eu estou superando e estou pronta para lutar de novo (no ano que vem). A Ronda obviamente destruiu todo mundo que ele lutou no UFC e não há dúvidas de que ela é a garota mais dura. Porém, ninguém é imbatível. Eu quero ter a chance de entrar lá contra ela, da melhor forma esportiva. Se você não quer ir lá e lutar contra os melhores ou pegar o cinturão, então você talvez não devesse sequer estar lutando”, disse a loira, em entrevista ao site “MMA Fighting”.

Aos 33 anos, Holly Holm tem um cartel profissional de sete vitórias e nenhuma derrota. Com vasto histórico no boxe, “The Preacher’s Daughter (“A filha do pastor”, em tradução livre), como é conhecida, conquistou mais de 85% dos seus triunfos por nocaute ou nocaute técnico. A atleta da Jakcson’s MMA, onde é parceria de nomes como Jon Jones e Carlos Condit, fez seu mais recente combate pelo evento Legacy FC e vem de vitória sobre Juliana Werner.

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments