UFC atende a reclamações e muda sistema de compensação financeira com patrocínio da Reebok

Lutadores receberão seus pagamentos com base no ‘tempo de casa’, e não a partir de suas posições no ranking

J. Jones (esq.) e R. Rousey (dir.) são os novos garotos-propaganda da Reebok no MMA. Foto: Reprodução/Instagram

J. Jones (esq.) e R. Rousey (dir.) são dois dos garotos-propaganda da Reebok no MMA. Foto: Reprodução/Instagram

Após diversos protestos de lutadores e empresários, o UFC anunciou que irá mudar a política de compensação financeira com o novo patrocínio da empresa de materiais esportivos Reebok, que, a partir do segundo semestre deste ano, irá fornecer os uniformes para todos os atletas da organização.

Veja Também

Após vitória no UFC, musa Paige VanZant apoiará campanha de combate ao câncer
Weidman enaltece Rockhold, mas alerta: ‘Eu não sou Lyoto, ele estaria em apuros contra mim’
Anderson Silva emociona lutadores ao deixar o TUF e time Shogun vence a primeira

Inicialmente, os pagamentos seriam feitos de acordo com as posições de cada atleta no ranking oficial da categoria, com uma quantia maior sendo dada aos lutadores mais bem colocados. No entanto, como o ranking é estabelecido de acordo com votação de jornalistas especializados do mundo inteiro, o UFC decidiu por utilizar um sistema mais objetivo.

Agora, o pagamento deverá ser feito de acordo com o número de lutas feitas por cada atleta dentro da organização, o que também irá incluir os combates feitos nos extintos eventos WEC e Strikeforce, que foram adquiridos pela Zuffa (empresa proprietária do UFC).

O sistema irá classificar cinco categorias diferentes: lutadores que possuem de uma a cinco lutas, seis a dez, 11 a 15, 16 a 20 e mais de 21. Exceções a este formato serão feitas em lutas válidas pelo cinturão, com uma compensação maior sendo dada aos campeões e desafiantes. Mais detalhes deverão ser divulgados ao fim de junho, quando os primeiros modelos de uniforme serão revelados.

A partir do UFC 189, no dia 11 de julho, que terá como luta principal José Aldo e Conor McGregor, todos os atletas da maior organização de MMA do mundo deverão utilizar uniformes da Reebok. Atualmente, alguns lutadores já usam as roupas da marca dentro do octógono, como Jon Jones, Conor McGregor, Anthony Pettis, Ronda Rousey e Paige VanZant.

Deixe seu comentário

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments