Jones é mais um campeão a perder seu cinturão fora do octógono; relembre outros casos

No passado, outros lutadores de destaque já foram destituídos do posto de campeões por problemas extra-octógono

J. Jones anunciou que se internaria na clínica de reabilitação no último dia 6 de janeiro. Foto: Josh Hedges/UFC

J. Jones não é mais campeão dos meio-pesados do UFC. Foto: Josh Hedges/UFC

Jon Jones, campeão mais dominante da história da competitiva divisão dos meio-pesados do UFC, perdeu seu cinturão sem nem mesmo subir no octógono. O norte-americano foi destituído do posto de campeão após se envolver em uma grande confusão no último fim de semana, quando provocou um acidente de trânsito e fugiu sem prestar socorro a uma mulher grávida, que dirigia o carro atingido pelo lutador.

Veja Também

Entenda os principais pontos sobre a polêmica de Jon Jones e o acidente de trânsito
UFC retira cinturão de Jon Jones e suspende lutador por tempo indeterminado

Depois da recente polêmica, Jones foi suspenso das lutas por tempo indeterminado, retornando somente quando tiver solucionado seus problemas pessoais e judiciais. O cinturão da divisão até 93 kg encontra-se, então, vago, sendo que o novo campeão será definido no mês que vem, na luta entre Anthony Johnson e Daniel Cormier.

Esta não foi a primeira vez que um campeão perde seu título sem sofrer uma derrota dentro do cage. Muito pelo contrário: a história do UFC já teve diversos exemplos de cinturões que ficaram vagos por motivos alheios às lutas. Então, o SUPER LUTAS relembra os casos na galeria abaixo, com episódios envolvendo Georges St. Pierre, BJ Penn, Randy Couture, Frank Mir e Murilo Bustamante.

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário