UFC Goiânia: Jason retorna com vitória e protesta contra corrupção do governo

Campeão do TUF Brasil 1 conseguiu finalizar Damon Jackson na última luta do card preliminar do UFC FN 67

Jason (foto) comemora vitória em Goiânia. Foto: Inovafoto

Jason (foto) comemora vitória em Goiânia. Foto: Inovafoto

Veja Também

UFC Goiânia: Carlos Condit quebra nariz de Thiago Pitbull e vence por interrupção médica
UFC Goiânia: em combate bastante movimentado, Do Bronx finaliza Lentz

Campeão do TUF Brasil 1, Rony Jason foi o grande destaque do card preliminar do UFC Fight Night 67, na noite deste sábado (30), em Goiânia. O brasileiro retornou ao UFC após um ano afastado por lesão com uma vitória por finalização diante de Damon Jackson.

Após a luta, Jason levantou a torcida presente no ginásio com seu discurso de protesto. “Não tenho vergonha de ser brasileiro por causa de vocês [a torcida], mas sim por causa do governo, que está destruindo tudo. A corrupção no Brasil é ambidestra, então vamos nos unir”, disse o lutador.

Na luta, Jason sofreu com as quedas de Jackson, que insistia em levar a luta ao solo. No entanto, ainda no primeiro round, o brasileiro foi ágil ao aplicar um triângulo, o que fez com que o norte-americano batesse em desistência.

Formiga vence e se aproxima do cinturão

Formiga (esq.) bateu Reis (dir.) em Goiânia. Foto: Inovafoto

Formiga (esq.) bateu Reis (dir.) em Goiânia. Foto: Inovafoto

Jussier Formiga deu um passo importante de olho na chance de disputar o cinturão dos moscas. O atleta da Kimura-Nova União venceu mais uma em sua carreira diante de seu compatriota Wilson Reis.

Em combate que se desenrolou em sua maior parte na trocação, Formiga superou Reis ao longo dos três rounds disputados, inclusive aplicando dois knockdowns. Nos momentos de luta no solo houve maior equilíbrio, mas Formiga não deixou dúvidas sobre sua vitória ao quedar o rival nos segundos finais e pegar as costas. Assim, Formiga levou a melhor na decisão unânime dos juízes, conquistando sua terceira vitória consecutiva.

Outras lutas do card preliminar do UFC FN 67:

Noite começa com nocaute de estreante sobre Besouro

A primeira luta da noite começou negativa para os representantes do Brasil. Luiz Besouro não foi páreo ao estreante Tom Breese e acabou derrotado por nocaute técnico ainda no primeiro round.

A luta começou equilibrada, com ambos os lutadores trabalhando bastante no clinche. Nos instantes finais do primeiro round, Breese conectou um direto de esquerda certeiro em Besouro, que caiu. O brasileiro virou de costas enquanto o inglês golpeava, e foi a deixa que o árbitro Fernando Yamasaki precisava para interromper a luta. Besouro chegou a reclamar, mas a vitória ficou com Breese, aos 4min58s do período inicial.

Assim, Besouro sofre sua segunda derrota em duas lutas no UFC, já que foi desclassificado em sua estreia, em janeiro do ano passado, contra Kiichi Kunimoto. Breese estreia com o pé direito no Ultimate e mantém seu cartel invicto, com oito vitórias em oito lutas.

Ju Thai domina luta e tira invencibilidade de Ericka Almeida

No primeiro duelo brasileiro da noite, Juliana Lima usou usa experiência para derrotar Ericka Almeida com tranquilidade na decisão unânime dos juízes. Ju Thai dominou as ações no solo para levar a melhor de acordo com todos os juízes, sendo que um deles, inclusive, pontuou 30 a 25.

Com isso, Juliana conquistou sua segunda vitória seguida, já que vinha de triunfo sobre Nina Ansaroff em Uberlândia (MG). Já Ericka, campeã peso palha do Jungle Fight, sofreu derrota em sua estreia no Ultimate, sendo este também seu primeiro revés no MMA profissional.

Bektic atropela Mineiro e vence por TKO

Mineiro não resistiu ao jogo justo de Bektic. Foto: Inovafoto

Mineiro não resistiu ao jogo justo de Bektic. Foto: Inovafoto

Na promissora luta entre os penas Mirsad Bektic e Lucas Mineiro, um atropelo do bósnio. Bektic castigou Mineiro do começo ao fim, tanto no ground and pound quanto na trocação e liquidou a fatura no segundo round.

Logo no começo da luta, Bektic levou Mineiro ao solo e desferiu duros golpes, que castigaram o olho esquerdo do brasileiro. No período seguinte, Bektic derrubou Mineiro com um cruzado no lado esquerdo do rosto, já que o brasileiro, com o olho inchado, tinha dificuldades para enxergar. Após vários golpes no chão, o árbitro Mário Yamasaki interrompeu as ações.

Assim, Bektic, de 24 anos, chegou a dez vitórias em dez lutas no MMA profissional; já Mineiro sofreu sua segunda derrota em sequência.

Capoeira perde em sua estreia no UFC

A estreia no UFC do ex-campeão do Jungle Fight Elizeu Capoeira não foi como ele esperava. O brasileiro teve bons momentos no octógono, mas foi derrotado por Nicolas Dalby em combate em combate bastante acirrado, que durou todos os três rounds.

No geral, Capoeira levava a melhor na trocação, conectando bons golpes em Dalby. O dinamarquês, no entanto, equilibrava as ações com quedas em momentos precisos. No fim, Dalby foi nomeado vencedor na decisão dividida dos juízes.

Resultados do card preliminar do UFC Goiânia:

Rony Jason derrotou Damon Jackson por finalização no R1;

Jussier Formiga derrotou Wilson Reis na decisão unânime dos juízes;

Nicolas Dalby derrotou Elizeu Capoeira na decisão dividida dos juízes;

Mirsad Bektic derrotou Lucas Mineiro por nocaute técnico no R2;

Juliana Lima derrotou Ericka Almeida na decisão unânime dos juízes;

Tom Breese derrotou Luiz Besouro por nocaute técnico no R1;

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments