Lutador do UFC comenta namoro com Ronda e detona campeã: ‘Era muito homem pra ela’

Brandan Schaub falou sobre seu relacionamento com Rousey durante entrevista ao comentarista Joe Rogan

Schaub (esq.) e Ronda (dir.), peso pesado do UFC lavou a roupa suja em público. Foto: Reprodução

Schaub (esq.) e Ronda (dir.), peso pesado do UFC lavou a roupa suja em público. Foto: Reprodução

ATENÇÃO: Leia a atualização desta notícia

Veja Também

Lutador volta atrás e nega ser ‘homem demais’ para a ex Rousey: ‘Nem sou tão másculo assim’
UFC responde Mayweather em confusão com Ronda: ‘Ela não precisa de 12 rounds’
Lutador do UFC causa polêmica e insinua que brasileiros usam esteroides
Vídeo: Assista a finalização de Glover Teixeira no UFC Fight Night 73

Após mais uma vitória arrasadora no octógono, sobre a brasileira Bethe Pitbull no Rio de Janeiro, e se consolidando cada vez mais como a maior estrela do MMA na atualidade, a campeã do UFC Ronda Rousey tem dominado as manchetes do noticiário especializado. O sucesso da loira, porém, não parece ter agradado muito o também lutador do Ultimate Brendan Schaub, que expôs publicamente o relacionamento que teve com Ronda e não poupou detalhes e críticas à ex-namorada.

“Acredite em mim, eu fiz um favor pra ela. Eu não era o cara pra fazer aquilo. Eu simplesmente não era. Eu era muito homem pra ela. Ela precisa de um cara que vai sentar no banco do passageiro. E esse não sou eu. Ela também precisa de um cara que só vá dizer: ‘Sim, senhora’. Ela é tão bem sucedida e está cercada por pessoas que a adoram e sempre falam ‘sim, sim, que grande ideia’. Mas quando eu disse ‘eu não acho que isso seja uma boa ideia’, aí eu passo a ser o inimigo. Eu não tenho qualquer ganho financeiro com você. Eu não preciso de nada seu. Eu mereci tudo por mim mesmo”, disse Schaub, em entrevista ao comentarista oficial do Ultimate Joe Rogan, que rapidamente interrompeu o assunto.

Esta não é a primeira declaração de Brendan Schaub nos últimos dias que gera grande polêmica. O peso pesado disse recentemente em seu podcast que o uso de esteroides anabolizantes é prática comum entre os lutadores brasileiros e que, por isso, o irlandês Conor McGregor era franco favorito na unificação dos cinturões contra José Aldo – já que agora a organização do Ultimate adotou uma postura bastante severa no combate ao doping, juntamente com a Agência Antidoping dos EUA (USADA).

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments