Comentarista revela que maioria dos lutadores do UFC fumam maconha

Joe Rogan afirma que há mais atletas que consomem a droga do que aqueles que não consomem

Joe Rogan (foto) é comentarista do UFC desde 1997. Foto: Divulgação

Joe Rogan (foto) é comentarista do UFC desde 1997. Foto: Divulgação

Veja Também

Vídeo: Policiais encontram maconha e camisinhas no carro de Jon Jones
Ex-campeão do Bellator é flagrado em exame antidoping e recebe suspensão
Nick Diaz contrata advogados para avaliar ‘irregularidades’ em exame antidoping positivo

Comentarista oficial do UFC nas transmissões dos Estados Unidos, Joe Rogan deu uma declaração bastante polêmica no podcast que apresenta, o “Joe Rogan Experience”. O norte-americano afirmou que são vários os lutadores do UFC que fumam maconha, o que é um problema devido à realização de exames antidoping.

Rogan, usuário assumido e defensor da legalização da maconha, inclusive disse que há mais lutadores que fumam do que aqueles que não fumam. “Isso é algo estranho sobre artes marciais. Uma quantidade enorme de lutadores do UFC fuma maconha. Quero dizer, uma quantidade enorme, sendo que isso é um problema quando eles passam por exames antidoping. Eles precisam parar de fumar quatro semanas antes da luta para poder passar no exame. Há mais lutadores que fumam maconha do que aqueles que não fumam”, afirmou Rogan.

Em um passado recente, alguns lutadores chegaram a ser flagrados em exames por maconha, como Nick Diaz, Thiago Silva, Matt Riddle. Por ser recreativa, sem fins de melhora de performance, a droga só é proibida no chamado “período de competição”, ou seja, 24 horas antes da luta.

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments