Petição de Nick Diaz atinge meta e será julgada na Casa Branca | SUPER LUTAS

Petição de Nick Diaz atinge meta e será julgada na Casa Branca

Abaixo-assinado online em prol do lutador chegou a 105 mil assinaturas dias antes do prazo final

Diaz (foto) terá seu caso reavaliado. Foto: Josh Hedges/UFC

Diaz (foto) terá seu caso reavaliado. Foto: Josh Hedges/UFC

Parecia uma meta improvável, mas a petição de Nick Diaz, que foi suspenso por cinco anos pela Comissão Atlética de Nevada (NSAC) após ser flagrado pelo uso de maconha e decidiu recorrer da decisão, conseguiu chegar às 100 mil assinaturas necessárias para ser apreciada pela Casa Branca.

Veja Também

O prazo limite para que a meta fosse alcançada era a próxima sexta-feira (16), mas já na noite desta quarta (13) a petição, que contou com o apoio de diversos astros do MMA e até da cantora Cher, já tinha mais de 105 mil assinaturas, o que quer dizer que em breve o caso do lutador será julgado pelo governo norte-americano.

O caso Diaz movimentou os bastidores do MMA e os lutadores do UFC Aljamain Sterling, Leslie Smith e Henry Cejudo já anunciaram que não irão lutar em Las Vegas enquanto a punição não for revertida. Já a maior estrela do octógono, Ronda Rousey, disse que a maconha não deveria ser motivo para suspensão e criticou até a branda suspensão de Anderson Silva, que foi condenado a 12 meses de gancho. Outro atleta importante a declarar sua solidariedade a Diaz foi o bilionário ex-pugilista Floyd Maywaether Jr.

Flagrado no exame antidoping por maconha em Nevada pela terceira vez, Nick Diaz foi julgado pela NSAC e condenado a cinco anos de suspensão, além de uma expressiva multa em dinheiro.

 

 

Comentários

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments