Vídeo: Jones é parado no trânsito, se irrita e xinga policial | SUPER LUTAS

Vídeo: Jones é parado no trânsito, se irrita e xinga policial

Lutador norte-americano foi acusado de tirar um racha nas ruas de Albuquerque, mas rebate: ‘Porco mentiroso e desprezível’

Jones brigou com policial nos EUA. Foto: Reprodução

Jones brigou com policial nos EUA. Foto: Reprodução

 

Ex-campeão dos meio-pesados do UFC, Jon Jones voltou a se envolver em polêmicas no trânsito. O lutador foi parado enquanto dirigia na semana passada, se irritou com as acusações e disparou xingamentos contra um policial em Albuquerque, no estado norte-americano do Novo México.

Em vídeo divulgado pelo site “TMZ”, o policial aparece pedindo pela habilitação de Jones, a quem acusa de estar tirando um racha com seu carro, um Corvette de cor branca. O lutador ri e diz que as acusações feitas pelo policial não eram verdadeiras: “Sei, com certeza absoluta, que eu não estava tirando um racha”, rebateu.

Veja Também

Em seguida, o policial pergunta a Jones se o lutador gostaria de dizer mais alguma coisa para que a câmera registrasse. “Nós dois sabemos que eu não estava tirando um racha”, esclarece o atleta, sendo interrompido pelo policial: “Não diga o que eu sei! Eu vi você tirando um racha.”

Jones ignora: “Nós dois sabemos que eu não estava tirando um racha. Eu só pisei no acelerador e fiz barulho no sinal vermelho, mas eu não estava de forma alguma correndo. Nem eu, nem o carro ao meu lado estávamos correndo. Você é um mentiroso de m****”, irritou-se.

Enquanto preenchia a multa, Jones perguntou ao policial: “Como você dorme à noite?”, ouvindo uma resposta irônica do oficial. “Às vezes do meu lado esquerdo, às vezes de bruços.” Por fim, o lutador solta mais xingamentos: “Não vejo a hora de sair daqui. Você é um porco desprezível, nojento”, esbraveja Jones, ouvindo uma resposta à altura do policial. “Sinto o mesmo em relação a você. O sentimento é mútuo.”

Nesta segunda-feira (28), Jones deu entrevista ao site “MMA Fighting” explicando a sua versão dos fatos. “Eu definitivamente não estava tirando um racha. Eu fiquei irritado e disse coisas que eu não deveria dizer a um policial. Parei em um semáforo e alguns fãs vieram me abordar. Como eu não queria descer e conversar, apenas acelerei e fiz barulho com meu carro. Mas eu não estava correndo”, esclareceu o atleta, que recebeu cinco multas pelo incidente.

Jones, de 28 anos de idade, perdeu seu cinturão do UFC no ano passado justamente por causa de um problema de trânsito. Em abril, o norte-americano cruzou um sinal vermelho e acertou em cheio um carro guiado por uma mulher grávida. Jones fugiu do local sem prestar socorro. Por isso, o UFC retirou seu título e o suspendeu. Agora, Jones voltará às lutas no dia 23 de abril, no UFC 197, quando tentará recuperar o cinturão contra Daniel Cormier.

Confira o vídeo:

Comentários

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments