Cormier quer luta contra Jon Jones antes do UFC Nova York: ‘Está muito distante’

Campeão dos meio-pesados também justificou sua opção por abandonar a luta principal do UFC 197, na qual enfrentaria o campeão

D. Cormier (foto) chorou na sala de imprensa após derrota para J. Jones

D. Cormier (foto) está ansioso por revanche contra Jones. Foto: Josh Hedges/UFC

Imediatamente após a saída de Daniel Cormier da revanche contra Jon Jones no próximo dia 23 de abril, tiveram início as especulações sobre um possível duelo entre os rivais na estreia do octógono em Nova York, que deve acontecer no último trimestre de 2016. Se depender de Cormier, porém, o confronto vai acontecer antes. Em entrevista, o atual campeão linear dos meio-pesados disse que não quer esperar tanto tempo para enfrentar Jones e justificou sua decisão de abandonar a luta principal do UFC 197.

Veja Também

Nos braços da torcida croata, Cigano domina Rothwell e volta a vencer no UFC
Vídeo: Assista aos melhores momentos da vitória de Cigano sobre Rothwell na Croácia
Em combate apertado, Lucas Mineiro vence no card preliminar do UFC Croácia

“Eu fiz o que tinha que fazer. Não conseguiria lutar no máximo da minha capacidade naquelas circunstâncias. Não teria sido o meu melhor, e, pra lutar contra o Jon Jones e vencer, eu tenho que estar 100%. Mesmo com todos os problemas que temos um com o outro, eu o respeito pelo atleta que é e pelo que ele traz para o octógono. Preciso estar 100% pra vencer esse cara. Por isso estou tranquilo com a minha decisão. Não sei quando teremos outra oportunidade de nos enfrentarmos, nem sei qual seria a coisa mais realista a se fazer, mas não quero que demore muito. É péssimo que eu tenha sido a razão do adiamento da luta. Gostaria que a revanche acontecesse tão logo eu esteja saudável. Estou com 37 anos e preciso lutar. O evento em Nova York está muito distante, e esperar até seria um pouco demais para os meus planos”, disse DC, ao site norte-americano “MMA Junkie”.

Para enfrentar Daniel Cormier ou protagonizar o tão sonhado evento em Nova York, no entanto, Jon Jones primeiro precisa superar Ovince St. Preux, substituto do campeão na luta principal do UFC 197. No próximo dia 23, Jones encara OSP pelo título interino da categoria peso meio-pesado e o direito de enfrentar Cormier em seguida na unificação dos cinturões.

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments