Em combate apertado, Lucas Mineiro vence no card preliminar do UFC Croácia

Brasileiro interrompeu série de duas derrotas seguidas e abriu com vitória a participação brasileira no card

Mineiro (foto) chegou a quatro vitórias no Ultimate. Foto: Josh Hedges/UFC

Mineiro (foto) chegou a quatro vitórias no Ultimate. Foto: Josh Hedges/UFC

Vindo de duas derrotas consecutivas, e com o fantasma da demissão rondando, o brasileiro Lucas Mineiro pouco se expôs e buscou um combate de segurança para garantir a vitória e, consequentemente, seu emprego diante de Robert Whiteford, no card preliminar do UFC Fight Night Croácia, neste domingo (10). O triunfo, entretanto, não veio com facilidade e o atleta da Chute Boxe/Diego Lima passou pelo escocês em um confronto bastante equilibrado.

Veja Também

UFC Fight Night Croácia – Júnior Cigano x Ben Rothwell – Resultados
Frank Mir é pego em teste antidoping do UFC
Empresário admite: McGregor está ‘obcecado’ por revanche com Diaz

No início da luta, os dois atletas se estudaram bastante e evitaram a trocação franca. No minuto final, Whiteford acertou um chute no pé de apoio do brasileiro, que teve que colocar as mãos no solo para evitar cair. Em seguida, Lucas reagiu e conseguiu uma boa joelhada voadora no escocês. A ação do round, no entanto, não foi muito além disso.

No segundo assalto, a luta seguiu morna, com Whiteford tentando manter a longa distância, a fim de evitar as combinações do brasileiro. Porém, sempre que Mineiro se aproximou do rival, conectou golpes que o abalaram, especialmente seus cruzados de encontro. A cerca de um minuto do fim, Lucas conseguiu enquadrar o adversário na grade e mais uma vez lançou uma joelhada voadora. A resposta do escocês veio com uma boa queda no minuto final.

No terceiro e decisivo round, o ritmo do combate caiu ainda mais e pouco se viu de ambos os lados, sem quedas ou golpes contundentes para nenhum dos lutadores. Ao término dos três assaltos, dois dos três jurados viram vitória de Lucas Mineiro, um por dois rounds a um e outro com vantagem para o brasileiro em todos os três rounds. Assim, Lucas levou a melhor em decisão dividida dos juízes.

Agora, o brasileiro tem um cartel profissional de 16 vitórias e três derrotas. A vitória também deixou o lutador natural de Montes Claros com um retrospecto positivo no octógono. Agora são quatro vitórias e três derrotas em sete lutas para o brasileiro.

Confira os resultados do UFC Croácia:

CARD PRINCIPAL

Júnior Cigano derrotou Ben Rothwell em decisão unânime dos juízes (50×45, 50×45 e 50×45)

Derrick Lewis derrotou Gabriel Napão por nocaute técnico (socos) a 4m48s do R1

Francis Ngannou derrotou Curtis Blayde por nocaute técnico (lesão no olho) no R2

Timothy Johnson derrotou Marcin Tybura em decisão unânime dos juízes (29×28, 29×28 e 29×28)

Jan Blachowicz derrotou Igor Pokrajac em decisão unânime dos juízes (29×28, 29×28 e 29×28)

Maryna Moroz derrotou Cristina Stanciu em decisão unânime dos juízes (30×27, 30×27 e 30×27)

CARD PRELIMINAR

Zak Cummings derrotou Meio-médios em decisão unânime dos juízes (30×27, 30×27 e 30×27)

Alejandro Pérez derrotou Ian Entwistle por nocaute técnico (socos) aos 4m04s do R1

Mairbek Taisumov derrotou Damir Hadzovic por nocaute (uppercut) aos 3m44s do R1

Damian Stasiak derrotou Filip Pejic por finalização (mata-leão) aos 2m16s do R1

Lucas Mineiro derrotou Robert Whiteford em decisão dividida dos jurados (29×28, 28×29 e 30×27)

Jared Cannonier derrotou Cyril Asker por nocaute técnico (socos e cotovelas) aos 2m44s do R1

Bojan Velickovic derrotou Alessio di Chirico em decisão unânime dos jurados (29×28, 29×28 e 30×27)

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments