‘Eu não ligaria se nocauteasse ou fosse nocauteado por Wanderlei’, diz Kimbo

Norte-americano aceita desafio de brasileiro para uma luta e acredita que suposto duelo seria interessante para ambos

Wanderlei x Kimbo: vem luta explosiva por aí? Foto: Produção SUPER LUTAS

Wanderlei x Kimbo: vem luta explosiva por aí? Foto: Produção SUPER LUTAS

Kimbo Slice aprovou o desafio feito por Wanderlei Silva e indicou que aceitaria enfrentar o brasileiro em um duelo válido pelo Bellator, uma das principais organizações de MMA da atualidade.

Veja Também

Wanderlei Silva propõe luta com Kimbo Slice no Bellator
Comissão revoga banimento vitalício e suspende Wanderlei Silva até 2017
Liberado pelo UFC e com suspensão reduzida, Wand assina contrato com o Bellator

Wanderlei, que retornará da aposentadoria em um futuro próximo, afirmou recentemente que aceitaria de braços abertos uma luta com Kimbo, já que o estilo do norte-americano seria favorável a um espetáculo para os fãs. O norte-americano demonstrou seu carinho pelo brasileiro, mas indicou que toparia o combate na hora.

“Eu gosto de Wanderlei, acho que ele me daria uma boa luta. Ele vai querer um nocaute, assim como eu vou querer o nocaute. Cara, eu não ligaria se fosse nocauteado por Wanderlei, mas não ligaria se eu o nocauteasse também, pode acreditar! Então, seria uma boa luta. Se ele quiser lutar, que venha”, disse Kimbo, em entrevista ao site alemão “GNP1.de”.

Atualmente suspenso pela Comissão Atlética de Nevada por ter se recusado a fazer um exame antidoping surpresa, Wanderlei não pode lutar nos Estados Unidos até meados de 2017. Até lá, o brasileiro supostamente estaria autorizado a fazer combates fora das jurisdições das entidades norte-americanas, o que incluiria o evento japonês Rizin.

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments