‘Arrancaria a alma de McGregor se lutássemos’, garante Lawler

Campeão dos meio-médios comentou a respeito de luta que era especulada antes do UFC 196, quando McGregor perdeu para Diaz

Lawler (foto) é o campeão dos meio-médios do UFC. Foto: Josh Hedges/UFC

Lawler (foto) é o campeão dos meio-médios do UFC. Foto: Josh Hedges/UFC

Veja Também

Para Dominick Cruz, McGregor é ‘vítima do seu próprio sucesso’ no UFC
Miesha repreende McGregor: ‘Não pense que você é maior que o UFC’
McGregor entra na lista dos 100 atletas mais bem pagos do mundo

Nas semanas que antecederam ao UFC 196, em março, muito se especulou a respeito de uma possível intenção do Ultimate em colocar Conor McGregor para disputar o cinturão dos meio-médios, pertencente a Robbie Lawler, caso derrotasse Nate Diaz. Como todos sabem, o irlandês não venceu e os rumores esfriaram. No entanto, Lawler deu um comentário bem direto a respeito de como essa luta seria caso saísse do papel.

“Claro que [McGregor x Diaz] foi uma grande luta. Ele é uma grande atração, mas não seria bom para ele se nós lutássemos. Se eu o machucasse, eu não pegaria o seu pescoço. Eu arrancaria sua alma”, disse o campeão, em entrevista ao canal norte-americano “WSB”.

Na ocasião, McGregor levou a melhor no primeiro round, mas diminuiu o ritmo no período seguinte. Após levar alguns golpes em pé e balançar, McGregor tentou levar a luta ao solo de maneira desastrada, o que culminou em uma derrota por finalização, com um mata-leão.

McGregor retornará ao octógono no dia 20 de agosto, em revanche com Diaz, no UFC 202. Um mês antes, no dia 30 de julho, Lawler defende seu título contra Tyron Woodley.

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário