Ex-Bellator atingido por tiros tem surto e tenta fugir do hospital

Shahbulat Shamhalaev, que chegou a perder um rim na semana passada, entrou em confronto com os médicos e se recusou a continuar tratamento

Shamhalaev foi baleado e segue internado na Rússia. Foto: Divulgação

Shamhalaev foi baleado e segue internado na Rússia. Foto: Divulgação

Pouco mais de uma semana após sobreviver a cinco tiros, o ex-lutador do Bellator Shahbulat Shamhalaev tentou fugir à força do hospital no qual está internado, em Makhachkala, no Daguestão (Rússia).

Veja Também

Ex-lutador do Bellator é baleado em restaurante na Rússia
Lutadora do UFC escapa de tiroteio em restaurante no Peru
Lutadora do UFC defende treinador após tiroteio no Peru

Na quarta-feira da semana passada (1º de junho), o atleta de 32 anos foi baleado enquanto estava em um restaurante e foi transportado às pressas para o hospital, no qual passou por cirurgia e perdeu um rim. Depois de retomar a consciência, Shamhalaev causou grande tumulto com a equipe médica e de enfermeiros.

Segundo relatos da imprensa local, o lutador chegou a atacar os enfermeiros nos primeiros dias em que despertou, o que os médicos classificam como um efeito alucinógeno dos medicamentos que lhe foram aplicados.

Dias mais tarde, vestido somente com um avental do hospital, Shamhalaev chegou a fugir do local, mas foi detido por médicos ainda no jardim. O atleta estava apresentava comportamento frenético e garantia que já estava bem, e, por isso, não precisava mais de tratamentos.

“Ele empurrou todos os médicos e gritava que precisava sair imediatamente do local. Ele saiu correndo da UTI. Ele retomou a consciência, mas seus pulmões ainda estão em situação delicada. Pretendíamos mantê-lo sob observação por pelo menos mais quatro dias”, comentou um dos médicos ao jornal “Caucasian Knot”.

Aos 32 anos de idade, Shamhalaev tem um cartel profissional de 12 vitórias, três derrotas e um empate. Em 2013, ele conquistou o título do GP do Bellator, o que lhe deu direito de disputar o cinturão dos penas. O russo acabou finalizado por Pat Curran ainda no primeiro round, e, em seguida, voltou a perder para o brasileiro Fabrício Guerreiro. Foi sua última luta no MMA profissional até hoje.

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments