Alvarez promete ‘guerra’ em disputa de cinturão contra Dos Anjos

Norte-americano apontou que o uso do wrestling será o caminho para faturar o título no dia 7 de julho

E. Alvarez (foto) é o próximo desafiante de Dos Anjos pelo cinturão. Foto: Josh Hedges/UFC

E. Alvarez (foto) é o próximo desafiante de Dos Anjos pelo cinturão. Foto: Josh Hedges/UFC

No dia 7 de julho, o UFC Fight Night Vegas abre a série de três cards seguidos na cidade de Las Vegas (EUA) que culmina no histórico UFC 200, marcado para dois dias depois. Protagonista da luta principal da noite, o norte-americano Eddie Alvarez, que desafia o brasileiro Rafael dos Anjos em luta valendo o cinturão dos leves, prometeu abrir a sequência de eventos em grande estilo, com um combate intenso e agitado.

Veja Também

Lutador do Bellator morre após brincadeira de ‘roleta russa’
Ex-rival de José Aldo cai em exame antidoping supresa
Bethe Pitbull deve enfrentar Jessica Eye no UFC 203

“Não estou nem aí para onde ou quando essa luta vai acontecer. Não me importo se haverá um juiz ou que canal transmitirá. Não tenho nada com isso. Vou conquistar o cinturão e aproveitar a oportunidade para fazer algo com que venho sonhando há 13 anos. Não me importa se alguém vai ver. Só penso na disputa do cinturão. Podemos lutar no corredor de entrada ou no de saída do octógono. Pode ser lá mesmo. Meu negócio é lutar. Vamos lá pra isso, e vai ser uma luta violenta, uma guerra, com giro alto. Não quero saber da arena nem do canal. A luta pelo cinturão vai acontecer e Eddie Alvarez o próximo campeão dos pesos-leves do UFC, queiram ou não”, disse Alvarez, comentando o fato do card ser transmitido para os EUA somente pelo serviço de streaming online UFC Fight Pass.

Além disso, o ex-campeão do Bellator apontou o caminho para chegar a um triunfo sobre o brasileiro: usar o wrestling e o jogo de quedas. “Se olharmos para o seu cartel – estou falando na história, e não recentemente – todos que o venceram (Gleison Tibau, Clay Guida e Khabib Nurmagomedov) tinham um wrestling melhor que o dele. Então, se eu tivesse que dizer que ele tem uma fraqueza, é o seu wrestling. Mas sua técnica é boa. Todos nós temos espírito de luta. Seja para lutar wrestling, jiu-jítsu ou lutar em pé”, garantiu.

O duelo contra Eddie Alvarez marcará a segunda defesa de cinturão de Rafael dos Anjos. Após conquistar o cinturão da divisão até 70 kg em março do ano passado, Rafael bateu o “Cowboy” Donald Cerrone por nocaute em dezembro e manteve seu título.

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments