Veterano do muay thai faz críticas após treino com Northcutt

Treinador Ilya Grad diz que jovem lutador é excessivamente protegido e pede: ‘Precisa ir para uma academia séria’

Grad criticou pai de Northcutt depois de treino. Foto: Reprodução

Grad criticou pai de Northcutt depois de treino. Foto: Reprodução

Na semana passada, o veterano treinador e lutador de muay thai Ilya Grad recebeu o “queridinho do UFC” Sage Northcutt para um treino em sua academia. Após a sessão, Grad surpreendeu ao publicar em seu Instagram que a sessão foi “desastrosa”, e, dias depois, alertou ao jovem lutador para que seu pai não interfira em seus treinamentos.

Veja Também

Após derrota, ‘queridinho’ Sage Northcutt volta no UFC 200
Aos 19 anos, lutador mais jovem do UFC ostenta carrão de R$ 500 mil
Dana mostra infecção de Northcutt e se diz culpado por derrota do ‘queridinho’

Na ocasião, Grad afirmou que o pai de Sage intervia em todo o momento, inclusive tirando o lutador de uma sessão de sparring porque pensava que ele estava tentando machucar seu filho. Dias depois, em entrevista à rádio “Sirius XM”, o treinador esclareceu suas declarações.

“Quando um pai comparece ao treino do filho, ele precisa ficar fora do tatame. Ele não pode interferir no que acontece. Sim, foi difícil trabalhar com ele, porque ele [o pai] reclamava que eu tentava machucar seu filho. Ele disse que viu meus amigos me pedindo para machucá-lo. Isso é ridículo”, comentou o treinador.

Mesmo criticando abertamente o ocorrido, Grad esclareceu que não possui problema algum com Northcutt – muito pelo contrário. “Foi uma pena que foi assim, porque Sage é um ótimo garoto. De verdade. Foi uma pena que não tivemos chance de trabalhar bem juntos porque seu pai estava lá. O problema não foi ele, mas sim a situação do treino. Espero que ele acorde. Ele precisa sair de lá e ir para uma academia séria. Ele é superprotegido e não tem parceiros de treino, por isso me chamaram. Ninguém quer trabalhar com eles, o que é triste”, analisou.

Aos 20 anos de idade, Northcutt despontou como uma das grandes promessas do UFC no ano passado, quando estreou na organização conquistando duas vitórias seguidas. Em janeiro, porém, sofreu sua primeira derrota, para Bryan Barberena. No mês que vem, Northcutt retorna ao octógono no UFC 200, quando pega Enrique Marin.

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments