Ricardo Demente é mais um brasileiro pego em antidoping surpresa

Lutador foi pego por um teste aplicado pela USADA fora de competição; A substância ilegal não foi divulgada

R. Demente (foto) foi cortado do UFC 193. Foto: Lucas Carrano/SUPER LUTAS

R. Demente (foto) caiu no duro controel antidoping do UFC. Foto: Lucas Carrano/SUPER LUTAS

Mais um caso de doping assombra o MMA nacional. O peso médio do UFC Ricardo Demente foi notificado pela USADA, Agência Nacional Antidoping dos Estados Unidos, por uma violação potencial violação em um teste antidoping realizado em um período fora de competição. A substância ilegal encontrada no exame não foi divulgada.

Veja Também

Maldonado avança com recurso e luta contra Fedor irá julgada novamente
Vídeo: Filha de Vitor Belfort segue passos do pai e mostra habilidade no jiu-jitsu
UFC ‘esquece’ de Ronaldo Jacaré e deve escalar Hendo para desafiar cinturão de Bisping

Assim que a entidade divulgou o resultado do teste, o UFC divulgou um comunicado oficial através de seu website.

“A USADA, administradora independente da Política Antidoping do UFC, lidará com a gestão de resultados e julgamento apropriado deste caso. É importante notar que, no âmbito da Política Antidoping do UFC, há um processo de revisão completa e justa que é oferecida a todos os atletas antes da imposição de quaisquer sanções. Informações adicionais serão fornecidas no momento adequado, conforme o avanço do processo”.

Desde que o UFC implantou uma rígida política antidoping, em parceria com a USADA, vários lutadores já caíram em testes aplicados pela entidade. Nos últimos três meses foram cinco brasileiros pegos no teste. Além de Demente, Diego Ferreira, Diego Brandão, Lyoto Machida e Viscardi Andrade caíram no controle antidopagem.

 

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments