Ingressos para o UFC 204, com Bisping x Henderson, são vendidos em seis minutos

Evento será realizado no dia 8 de outubro e terá início em plena madrugada pelo horário local da Inglaterra

Bisping enfrenta Henderson no UFC 204. Foto: Dean Mouhtaropoulos/Zuffa LLC

Bisping enfrenta Henderson no UFC 204. Foto: Dean Mouhtaropoulos/Zuffa LLC

A Inglaterra parece ter abraçado de vez seu único campeão na história do UFC. O UFC 204, evento que será realizado no dia 8 de outubro, na cidade de inglesa de Manchester, teve todos os seus ingressos vendidos nesta sexta-feira (9) em apenas seis minutos.

Veja Também

Henderson garante aposentadoria após luta com Bisping
Bisping detona Henderson: ‘Trapaceou em nossa primeira luta’
UFC oficializa Bisping x Henderson e Belfort em outubro

A atração será encabeçada pela revanche entre o inglês Michael Bisping, campeão da categoria dos médios, e Dan Henderson. Para agradar a audiência televisiva dos Estados Unidos, o card principal do show terá início às 3h da madrugada local, o que parece não ter desanimado os ingleses de comparecerem ao evento.

“Estamos empolgados em ver essa procura por ingressos no Reino Unido. Levando em conta o horário do evento, percebemos que não seria fácil. Ver os ingressos serem vendidos nessa velocidade incrível me faz agradecer a todos pelo entusiasmo das pessoas que vão ficar acordadas a noite toda pela luta”, comemorou James Elliott, diretor geral do UFC na Europa, Oriente Médio e África.

Bisping se tornou o primeiro britânico campeão do Ultimate em junho, quando nocauteou Luke Rockhold ainda no primeiro round. Antes disso, ele havia vencido Anderson Silva em Londres. No UFC 204, o inglês terá a chance de vingar uma das derrotas mais contundentes de sua carreira, já que foi brutalmente nocauteado por Henderson no UFC 100, em 2009. O evento também terá Vitor Belfort x Gegard Mousasi e mais três brasileiros: Iuri Marajó, que encara Brad Pickett, além de Adriano Martins e Leonardo Santos, que fazem duelo tupiniquim.

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments