Polícia russa investiga ataque a filha de Fedor

Garota, de 16 anos de idade, foi hospitalizada após sofrer agressões enquanto voltava da escola em Moscou

F. Emelianenko (foto) é um dos maiores nomes da história do MMA. Foto: Strikeforce/Divulgação

F. Emelianenko (foto) é um dos maiores do MMA. Foto: Strikeforce/Divulgação

Veja Também

‘Ronda se sentiu atacada pela mídia quando perdeu’, revela White
‘Vou bloquear tudo o que Ronda tentar fazer’, garante Amanda
Defesa de Lesnar aponta colírio ou creme como responsável por doping

A polícia de Moscou, na Rússia, iniciou uma investigação para apurar as agressões sofridas pela filha adolescente de Fedor Emelianenko, considerado um dos maiores nomes da história do MMA, no último fim de semana.

A garota, de 16 anos de idade, foi agredida por um homem quando voltava da escola, no centro da capital russa. Ela foi levada ao hospital e segue internada na Unidade de Terapia Intensiva (UTI), mas não corre riscos. A adolescente está consciente e já colabora com as investigações da polícia.

A suspeita é de que o agressor seja um homem, motivado por questões de “ódio étnico”. Agressões graves a menores de idade podem ter punição de até dois anos de detenção na Rússia.

Emelianenko, que já derrotou nomes como Rodrigo Minotauro, Mirko Cro Cop, Andrei Arlovsk, Mark Hunt e Mark Coleman, no momento treina para sua próxima luta, que deverá ser no fim do ano, no Japão.

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments