UFC rebate St. Pierre e diz que contrato ainda está em vigor

Organização se mostrou disposta a buscar medidas legais para evitar que canadense rescinda seu acordo

St. Pierre (foto) é ex-campeão do UFC. Foto: Josh Hedges/UFC

St. Pierre (foto) é ex-campeão do UFC. Foto: Josh Hedges/UFC

O UFC rebateu as declarações de Georges St. Pierre e garantiu que o canadense ainda está sob contrato da maior organização de MMA do planeta.

Veja Também

Georges St-Pierre rescinde contrato e não é mais lutador do UFC
Georges St-Pierre não vai lutar no UFC 206, garante Dana White
St. Pierre rebate críticas de Dana White: ‘Ele não sabe nada sobre mim’

Ex-campeão dos meio-médios, GSP revelou, na última segunda-feira (17), que estava livre de seu antigo acordo com o Ultimate. O motivo alegado pelo lutador é de que o UFC não cumpriu o prazo previsto para lhe oferecer uma luta, o que significa a rescisão imediata.

No entanto, a direção da organização discorda da visão do canadense. Em comunicado emitido na manhã desta terça (18), o UFC explicou que o contrato ainda está em vigor e sugeriu que buscará medidas legais para garantir que seja cumprido. “Georges St. Pierre ainda está sob um contrato existente com a Zuffa LLC [antigos proprietários do UFC], que age como seu promotor no MMA. Zuffa pretende honrar este acordo e reserva seus direitos legais para que St. Pierre faça o mesmo”, divulgou.

St. Pierre, hoje com 35 anos, foi campeão dos meio-médios em duas oportunidades: entre 2006 e 2007 e entre 2008 e 2013. O canadense deixou o posto de campeão quando abdicou do cinturão para se afastar temporariamente do MMA. Em sua carreira, St. Pierre bateu nomes como Matt Hughes, Jon Fitch, Jake Shields, Josh Koscheck, Thiago Pitbull, entre outros.

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments