Dana White explica demissões de Matt Hughes e Chuck Liddell

Dirigente admitiu que decisão foi tomada por novos donos do UFC

Dana White é amigo pessoal de Hughes e Liddell (Foto: Divulgação)

Dana White é amigo pessoal de Hughes e Liddell (Foto: Divulgação)

 

Poucos dias após anunciar que Matt Hughes e Chuck Liddell não fazem mais parte do quadro de funcionário do UFC, Dana White explicou o motivo da demissão dos ex-campeões, que tinham cargos na diretoria da companhia.

Veja Também

Nova diretoria do UFC demite dois membros do Hall da Fama
Dana White não acredita em duelo entre McGregor e Mayweather

De acordo com o presidente do Ultimate, a decisão de demitir Hughes e Liddell, ambos membros do Hall da Fama do UFC, foi feita pelos novos donos da companhia, os agente da WME-IMG.

“Quando uma empresa compra outra, é normal termos mudanças, principalmente em nível executivo. Eles vão trazer caras para ocupar essas posições. Agora a empresa é deles e eles têm muitas pessoas para essas vagas. O lance do Chuck Liddell e do Matt Hughes, durante a era Zuffa, esses eram os meus caras”, comentou Dana no podcast UFC Unfiltered, adicionando ainda que contratou Hughes e Liddell pela lealdade que os dois mostraram pelo UFC nos tempos de vacas magras:

“Eles ajudaram a construir a empresa quando eu estava crescendo e disse pra eles “a não ser que eu caia morto ou chegue a uma posição que não controle quanto dinheiro será gasto, vocês vão receber um cheque todo mês. Esse dia chegou. O lance do Matt e do Chuck era lealdade para mim. Era o meu presente para eles por serem os caras que foram. Isso quando o dinheiro era meu, do Frank e do Lorenzo…”

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments