Brasileira e mais quatro levam seis meses de suspensão médica

Amanda Lemos, nocauteada por Leslie Smith no UFC Escócia, foi suspensa por 180 dias após o revés

Amanda recebeu 180 dias de suspensão (Foto: Reprodução/Facebook UFC)

Amanda recebeu 180 dias de suspensão (Foto: Reprodução/Facebook UFC)

O UFC Escócia, realizado em Glasgow, no último domingo (16), trouxe consequências nada agradáveis para alguns lutadores, entre eles a brasileira Amanda Lemos. Após estrear no Ultimate sendo nocauteada por Leslie Smith, a paraense recebeu uma suspensão médica de 180 dias. Contudo, a pena pode diminuir em caso de liberação após um exame de raio-x a ser feito em seu polegar da mão direita. De qualquer forma, ela obrigatoriamente ficará, no mínimo, 45 dias afastada. A notícia é do site “MMA Junkie”.

Veja Também

UFC Escócia: Ponzinibbio aplica nocaute brutal em Gunnar Nelson no primeiro round
Em luta movimentada, Alexandre Pantoja finaliza Seery no UFC Escócia

Além de Amanda, mais quatro atletas foram suspenso por seis meses: Justin Willis, Neil Seery, Daniel Teymur e Brett Johns. Alexandre Pantoja, outro representante brasileiro do card, recebeu 30 dias de suspensão médica.

Principal vitorioso da noite, Santiago Ponzinibbio sequer consta na lista de suspenso – entretanto, todos os atletas recebem suspensão mínima de sete dias. Gunnar Nelson, nocauteado pelo argentino na luta principal do show, levou suspensão de 45 dias.

Confira a lista completa de suspensões:

Gunnar Nelson: suspenso por 45 dias, sem contato físico por 30 dias por nocaute

Cynthia Calvillo: suspensa por 30 dias, sem contato físico por 21 dias; raio-x de antebraço esquerdo foi negativo

Joanne Calderwood: suspensa por 30 dias, sem contato físico por 21 dias

Paul Felder: suspenso por 30 dias, sem contato físico por 21 dias por laceração na pálpebra direita

Stevie Ray: suspenso por 60 dias, sem contato físico por 45 dias por nocaute

Jack Marshman: suspenso por 30 dias, sem contato físico por 21 dias por luta dura; tomografia computadorizada negativa

Ryan Janes: suspenso por 30 dias, sem contato físico por 21 dias por laceração na bochecha direita

Paul Craig: suspenso 60 dias, sem contato físico por 45 dias por nocaute; tomografia computadorizada na cabeça foi negativa

James Mulheron: suspenso por 45 dias, sem contato físico por 30 dias por luta dura

Justin Willis: suspenso por 180 dias ou liberado por médico após verificação das costelas; suspenso por um mínimo de 30 dias

Bobby Nash: suspenso por 45 dias, sem contato físico por 30 dias por nocaute

Alexandre Pantoja: suspenso por 30 dias, sem contato físico por 21 dias

Neil Seery: suspenso por 180 dias ou liberado por médico após verificação das costelas; suspenso por um mínimo de 45 dias

Charlie Ward: suspenso por 60 dias, sem contato físico por 45 dias por nocaute

Daniel Teymur: suspenso por 180 dias ou liberado por médico após verificação da mão direita; suspenso por um mínimo de 45 dias

Brett Johns: suspenso por 180 dias ou liberado por ressonância magnética negativa no ombro direito; suspenso por um mínimo de 30 dias

Albert Morales: suspenso por 30 dias, sem contato físico por 21 dias por laceração na sobrancelha

Leslie Smith: suspensa por 30 dias, sem contato físico por 21 dias; raio-x foi negativo

Amanda Lemos: suspensa por 180 dias ou liberada por raio-x no polegar direito; suspensa por um mínimo de 45 dias

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments