Dana White volta a criticar Yamasaki: ‘Prometo que vocês não o verão nunca mais’

Presidente do UFC ainda está inconformado com atuação do árbitro brasileiro na luta entre Valentina Shevchenko e Priscila Pedrita no UFC Belém

Dana White não escondeu irritação com Mario Yamazaki (Foto:Reprodução/Youtube UFC)

Dana White decretou guerra contra o árbitro Mario Yamazaki. O presidente do UFC voltou a criticar o brasileiro e chegou a garantir que ele nunca mais voltará a mediar um combate no octógono. A polêmica entre eles começou quando Yamazaki foi o árbitro da luta entre e Valentina Shevchenko e Priscila Pedrita no último sábado (03), em Belém. A quirguistanesa chegou a aplicar 230 golpes na brasileira sem que o mediador interrompesse a disputa.

Veja Também

Dana White critica árbitro Mário Yamasaki por luta entre Valentina e Pedrita: ‘Atuação de dar nojo’
Dirigente da Comissão Brasileira de MMA é mais um a criticar Mario Yamazaki
Yamazaki ignora críticas de Dana White, mas reconhece erro em luta de Pedrita
VÍDEO: Assista a finalização de Valentina Shevchenko sobre Priscila Pedrita no UFC Belém

.Ainda no sábado, o ‘chefão’ do UFC escreveu uma publicação no Twitter com duras críticas ao árbitro e disse que foi uma ‘atuação de dar nojo’.  Em resposta, através de nota oficial, Yamazaki diz respeitar as críticas, mas afirmou ‘permitir que Pedrita fosse guerreira’. Ainda mais irritado, Dana White garantiu que Mario não voltará a mediar combates do Ultimate.

“Eu acho que é repugnante. Acho que ele é repugnante e eu não quero vê-lo como árbitro de novo. Ela não bateu e é isso. A realidade é que quando você é um lutador e está lá dentro – e essa é uma das razões pelas quais o esporte é tão grande hoje – a maioria dos lutadores não desistem. A maioria dos lutadores continua lá dentro e ela lutou como uma verdadeira guerreira para aquele idiota dizer que ele deu a ela a oportunidade dela ser guerreira? Não, seu idiota, você está lá dentro para protegê-la dela mesma! Isso me deixa com ânsia de vômito. Esse cara não tem que estar arbitrando lutas e eu prometo que vocês não o verão novamente”, afirmou Dana, ao programa UFC Tonight, da FOX Sports dos EUA.

Apesar da insatisfação de Dana White, o UFC não tem poder para barrar árbitros de seus eventos. A escala dos mediadores é feita pela Comissão Atlética responsável por sancionar os eventos. No Brasil, a CABMMA (Comissão Atlética Brasileira de MMA) tem esta função, já nos Estados Unidos, cada estado do país tem sua entidade responsável.

Notícias relacionadas