UFC Chile: Com nocaute relâmpago, Poliana Botelho comanda vitórias brasileiras no card preliminar

Brasileira precisou de apenas 33 segundos para vencer Syuri Kondo; Michel Trator e Alexandre Pantoja completaram os triunfos do país

P. Botelho não deixou a japonesa ‘respirar’ e finalizou a luta. Foto: Facebook UFCBrasil

O card preliminar do UFC Chile, primeiro evento do Ultimate na América do Sul fora do Brasil, teve grande participação tupiniquim. Foram sete lutas e em quatro delas tiveram lutadores brasileiros, que terminaram com saldo de três vitórias e apenas uma derrota. Poliana Botelho precisou de apenas 33 segundos para despachar a japonesa Syuri Kondo; Alexandre Pantoja aplicou um duro castigo em Brandon Moreno e Michel Trator venceu Zak Cummings na decisão dividida. O único brasileiro com derrota no programa de abertura foi Felipe Silva.

Poliana Botelho finaliza japonesa e quer seu lugar no ranking

Veja Também

UFC Chile: Demian Maia x Kamaru Usman – Resultados

Em sua segunda luta no UFC, a brasileira Poliana Botelho fez valer a expectativa sobre ela. De forma rápida, a brasileira aplicou um chute na costela esquerda de Syuri Kondo que sentiu e foi ao solo. Com a queda da oponente, a brasileira aplicou alguns golpes até a árbitra Camila Albuquerque acabar a luta aos 33seg (veja o vídeo abaixo).

Essa é a segunda luta de Poliana no UFC, a primeira luta foi contra Pearl Gonzalez. Nos dois enfrentamentos a brasileira saiu vitoriosa. Com os resultados positivos, ela já se questionava se teria subido no ranking peso palha feminino.

Pantoja domina e se candidata ao top-10

Pantoja subiu no octógono como 12º colocado no ranking de moscas do UFC. Mas em grande atuação contra Brandon Moreno, 7º na classificação, pode elevar o brasileiro ao posto de top-10 da divisão.

No primeiro round, Brandon Moreno tounou-se o passageiro da agonia com uma trocação franca e golpes fortes de Pantoja. O mexicano chegou até a fugir de Alexandre após o primeiro golpe certeiro no rosto. Nos segundos finais do primeiro tempo, Moreno sangrando foi alvo fácil para os golpes do brasileiro. Brandon foi salvo pela buzina!

No segundo assalto, Moreno esperou Pantoja propor a luta e teve pouco ataque. O brasileiro foi o dono do round e desferiu chutes e socos contundentes. O mexicano manteve-se no embate e foi para o último tempo bastante machucado.

O terceiro e último round foi marcado pelo cançaso dos lutadores. A luta foi mais equilibrada durante os cinco minutos finais, onde a trocação foi franca e brutal.

Michel Trator venceu e Felipe Silva foi nocauteado

Na luta que finalizou o card preliminar Michel Trator venceu por decisão dividida Zak Cummings nos pesos meio-médios. A luta foi equilibrada e até um pouco ‘morna’. Michel Trator teve dificuldades pela altura. O brasileiro é oficialmente peso leves (até 70,3kg.), mas devido a não conseguir perder peso foi penalizado e subiu de categoria.

Único revés brasileiro

Dando início ao card preliminar, o brasileiro Felipe Silva enfrentou chileno Claudio Puelles. Silva dominou o segundo e terceiro rounds, mesmo com vários golpes contundentes não conseguiu o nocaute. Aos 2m23seg o chileno conseguiu uma chave de calcanhar e finalizou a luta.

Resultados do UFC Chile

Card principal 

Peso meio-médio: Demian Maia x Kamaru Usman

Peso palha: Alexa Grasso x Tatiana Suarez

Peso meio-pesado: Jared Cannonier x Dominick Reyes

Peso galo: Diego Rivas x Guido Cannetti

Peso mosca: Andrea Lee derrotou Veronica Macedo por decisão unânime dos juízes (30-27, 30-27, 30-27)

Peso meio-médio: Vicente Luque nocauteou Chad Laprise a 4m16seg do R1

Card preliminar

Peso meio-médio: Michel Trator venceu Zak Cummings por decisão dividida dos juízes (29-28, 28-29, 29-28)

Peso mosca: Alexandre Pantoja derrotou Brandon Moreno por decisão unânime dos juízes (30-26, 30-26, 29-27)

Peso palha: Poliana Botelho nocauteou Syuri Kondo a 33seg do R1

Peso pena: Gabriel Benítez nocauteou Humberto Bandenay a 39seg do R1

Peso-pena: Enrique Barzola venceu Brandon Davis por decisão unânime dos juízes (30-27, 30-26, 30-26)

Peso galo: Frankie Saenz derrotou Henry Briones por decisão unânime dos juízes (30-27, 30-27, 30-26)

Peso leve: Claudio Puelles finalizou Felipe Silva com uma chave de calcanhar a 2min23seg do R3

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário