UFC 229: Vicente Luque e Jussier Formiga garantem vitórias brasileiras no card preliminar

Luque bateu Jalin Turner no primeiro round, enquanto Formiga passou por Sergio Pettis na decisão; O único revés ficou para Alan Nuguette contra Scott Holtzman

Luque dominou o combate no UFC 229. Foto: Reprodução/Facebook UFCBrasil

Três brasileiros participaram do card preliminar do UFC 229, evento realizado neste sábado (06) em Las Vegas. E o saldo final foi positivo para o país com duas vitórias e apenas uma derrota. O brasiliense Vicente Luque apresentou seu cartão de visita ao estreante Jalin Turner e nocauteou no primeiro assalto. Jussier Formiga em uma luta tática venceu por pontos Sergio Pettis e ficou perto do cinturão dos moscas. Por outro lado, Alan Nuguette foi nocauteado por Scott Holtzman no terceiro assalto.

Formiga vence Sergio Pettis e desafia campeão Cejudo

J. Formiga não empolgou o público na T-Mobile Arena. Foto: Reprodução/Facebook UFCBrasil

Veja Também

UFC 229: Khabib finaliza McGregor, provoca e ‘luta do ano’ termina em briga generalizada
UFC 229: Khabib Nurmagomedov x Conor McGregor – Resultados
Infográfico traz aquecimento para Khabib Nurmagomedov x Conor McGregor

O combate que fechou o card preliminar do UFC 229 colocou frente a frente o potiguar Jussier Formiga, número cinco na divisão de moscas, contra Sergio Pettis, segundo na classificação. E em uma luta tática, sem brechas, o brasileiro deixou o octógono com a vitória na decisão unânime dos juízes (30-27, 30-27, 30-27). Com o triunfo, o brasileiro conquistou o 22º resultado positivo dw carreira e desafiou o campeão da categoria, Henry Cejudo. O norte-americana vinha de uma vitória e somou o quatro revés em seu cartel.

“Eu aceito uma revanche com Cejudo em dezembro. Espero que seja um grande confronto e quero conquistar o cinturão”, disse Formiga em entrevista ao canal Combate após a vitória.

Os atletas iniciam o combate se estudando no centro do octógono. O brasileiro encurtou a distância e acertou um direto no rosto do rival. Formiga explodiu e conectou uma sequência de golpes frontais no oponente. Em resposta, Sergio aplicou dois chutes na linha de cintura e um na guarda de Jussier. O combate permaneceu pouco efetivo pelos dois lutadores. Nos instantes finais, o brasileiro conseguiu pegar as pernas de Pettis e colocou o combate para o chão. Por cima, ele soltou golpes nas costelas e na cabeça do adversário. O norte-americano não conseguiu tirar as costas no chão até o final da parcial.

O segundo assalto iniciou como o primeiro, com os oponentes cautelosos e estudando a melhor forma de atacar. Os lutadores colocaram golpes, mas sem efetividade. Pettis esteve mais cuidadoso, pois não queria que Formiga o colocasse para o chão novamente. Com a falta de combatividade, a torcida começou a vaiar. Entretanto na sequência, Jussier colocou o combate para o solo com uma queda. O brasileiro permaneceu em pé e trabalhou com socos por cima, mas Pettis fechou bem a guarda. O brasileiro trabalhou a posição até o gongo soar.

O brasileiro começou o último round atacando com um direto de direita. No entanto o contragolpe de Sergio foi forte. Sem querer se arriscar na luta em pé, Jussier conseguiu travar a perna do rival, agarrou e pressionou. Com as costas livres, o potiguar travou e mochilou o adversário. Assim, ele estabilizou a posição e trabalhou com socos no rosto, esperando o melhor momento para encaixar a finalização. O brasileiro insistiu em encaixar o estrangulamento, mas o rival não deu espaços. Porém, não conseguiu sair da posição até o final da luta.

Luque vence terceira seguida

Vicente Luque fez jus a seu apelido ‘Assassino Silencioso’ e nocauteou Jalin Turner a 3m52s no primeiro round. Assim, o brasileiro conquistou sua 10ª vitória no 1º assalto e terceiro triunfo na sequência.

O combate iniciou com os lutadores se estudando no centro do octógono. Luque começou tomando a iniciativa e acertou um direto de direita que jogou seu oponente na grade. Com golpes mais efetivos, o brasileiro foi se soltando e cresceu na luta. O brasiliense carimbou um soco frontal em Turner, que bateu na grade e voltou. O norte-americano tentou responder com uma cotovelada giratória, mas o brasiliense defendeu. Com a guarda baixa do ‘Tarantula’, o atleta do ‎Cerrado MMA conectou um golpe forte que derrubou o oponente no chão desacordado. Assim, o árbitro decretou o fim do combate.

Holtzman nocauteia Alan Nuguette no terceiro round

S. Holtzman nocauteou o brasileiro. Foto: Reprodução/Facebook UFCBrasil

Na terceira luta do card preliminar o peso leve, Scott Holtzman nocauteou o Alan Nuguette a 3m42s do terceiro assalto. O norte-americano que nunca foi finalizado ou nocauteado se manteve imune no evento em Las Vegas. Assim, ‘Hot Sauce’ conquista sua terceira vitória seguida na organização. Já, o brasileiro que buscava entrar no TOP 15 da categoria soma sua segunda derrota na carreira de MMA profissional.

O duelo começou com os dois se estudando no centro do octógono, sem muita efetividade. No entanto o brasileiro conseguiu acertar um chute na linha de cintura. Em resposta seu adversário atingiu um direto em cheio no rosto do rival. Holtzman buscou encontrar a distância para atingir seu oponente e encaixou um chute baixo em Alan que balançou ao sentir a pancada. Nuguette tentou atacar, mas Scott trabalhou bem nos contra-golpes. Isso colocou ‘Hot Sauce’ em vantagem no round. O atleta do MMA Lab novamente acertou um chute na perna de apoio de Patrick que desequilibrou e foi ao solo. Assim, o ex-campeão do XFC utilizou bem a vantagem e trabalhou por cima. No entanto, o brasileiro buscou defender os ataques com as pernas. Sem mais tempo, o primeiro assalto chegou ao fim.

Alan voltou para a segunda etapa tentando a recuperação, assim ele encurtou a distância e encontrou o rosto o rival, mas sem efetividade. Em resposta, o norte-americano desferiu um chute alto em direção do adversário. Nuguette utilizou seu jiu-jítsu e tentou levar o combate para o chão ao dar um mergulho nas pernas do norte-americano. No entanto, ele bateu no chão e voltou a ficar em pé. Na sequência, Alan conseguiu perder a perna de ‘Hot Sauce’ e buscou encaixar a posição, mas sem ângulo o oponente conseguiu escapar. Com o combate em pé, Scott colocou o brasileiro com facilidade para a grade. Ao final do segundo assalto, Patrick tentou a última investida em Holtzman, mas não o encontrou.

Nuguette começou o terceiro assalto tentando um chute alto na guarda do norte-americano. Entretanto, Scott encontrou o tempo do brasileiro e antecipou seus golpes. Alan baixou a guarda, assim recebeu um duro contra-golpe e caiu. Ao perceber a vantagem, Holtzman amassou Patrick no chão. Ainda por cima, ‘Hot Sauce’ conseguiu a montada, segurou o rosto do rival e conectou inúmeras cotoveladas. Com isso, ele nocauteou o brasileiro em 3m42s do último assalto.

Resultados do UFC 229

Card Principal 

Peso leve: Khabib Nurmagomedov finalizou Conor McGregor com um mata-leão a 3m03s do R4

Peso leve: Tony Ferguson derrotou Anthony Pettis por nocaute técnico a 5m do R2

Peso meio-pesado: Dominick Reyes derrotou Ovince St-Preux na decisão unânime dos juízes (30-27, 30-27, 30-27)

Peso pesado: Derrick Lewis derrotou Alexander Volkov por nocaute a 4m49s do R3

Peso palha: Michelle Waterson derrotou Felice Herrig na decisão unânime dos juízes (30-26, 29-28, 30-27)

Card Preliminar

Peso mosca: Jussier Formiga derrotou Sergio Pettis na decisão unânime dos juízes (30-27, 30-27, 30-27)

Peso meio-médio: Vicente Luque derrotou Jalin Turner por nocaute a 3m52s do R1

Peso galo: Aspen Ladd derrotou Tonya Evinger por nocaute técnico a 3m26s do R1

Peso leve: Scott Holtzman derrotou Alan Nuguette por nocaute técnico a 3m42s do R3

Peso pena: Yana Kunitskaya derrotou Lina Lansberg na decisão unânime dos juízes (30-27, 30-27, 30-27)

Peso leve: Nik Lentz derrotou Gray Maynard por nocaute a 1m19s do R2

Peso meio-médio: Tony Martin derrotou Ryan LaFlare por nocaute a 1m do R3

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário