UFC 229: Confira quanto renderam suas apostas no principal evento do ano

Tumultos à parte, resultados em Las Vegas fizeram a alegria dos apostadores

K. Nurmagomedov (esq.) e C. McGregor (dir.). Foto: Reprodução/Instagram @ufcbrasil

Apesar do triste desfecho, com uma confusão generalizada entre  o russo Khabib Nurmagomedov e a equipe de Conor McGregor, o UFC 229, realizado  no último sábado (06), na T-Mobile Arena, em Las Vegas, teve momentos memoráveis para os amantes do MMA. Alguns dos grandes favoritos caíram, e o apostador que optou por correr mais riscos obteve lucros de até 200%.

Confira tudo que aconteceu no principal evento do ano e saiba quanto renderam suas apostas com base nos números do Oddsshark.com.

Nenhuma surpresa nas lutas principais

Nas duas principais lutas da noite, os pesos-leves Khabib Nurmagomedov e Tony Ferguson confirmaram seus favoritismos contra Conor McGregor e Anthony Pettis.

Antes de se envolver em uma  briga com a equipe do rival, Nurmagomedov esteve praticamente impecável, e dominou McGregor durante quase todo o combate. Nos dois primeiros rounds, acertou golpes contundentes e chegou a derrubar o irlandês, que só no terceiro conseguiu reagir. A fatura, no entanto, seria liquidada no assalto seguinte, quando o russo encaixou um crossface e obrigou o desafiante a jogar a toalha. Até que a Comissão Atlética de Nevada se pronuncie sobre o caso, o cinturão permanece com Nurmagomedov, que chegou à 27ª vitória em 27 lutas. Quem apostou no russo teve lucro de 62%.

Tony Ferguson, nocauteou Anthony Pettis no segundo assalto e deixou um recado para McGregor. Ele desafiou o irlandês na entrevista após a luta. Os norte-americanos travavam o combate mais intenso do UFC 229 até Pettis quebrar a mão e ficar impedido de prosseguir. Com o resultado, quem apostou no ex-campeão embolsou R$ 1,28 por cada real investido.

Lewis vence Volkov e faz a festa do torcedor

Mais cedo, Dominick Reyes venceu Ovince St-Preux por decisão unânime, e com o resultado, consolidou-se no top 10 da divisão dos meio-pesados. Reyes foi bem sucedido ao se livrar das investidas de St-Preux para levar a luta ao chão, conseguindo manter uma boa distância e controlar as ações. Nos segundos finais,  Reyes por pouco não nocauteou o veterano, mas o golpe foi aplicado após o soar do gongo. De acordo com o Oddsshark.com, a aposta rendeu R$ 1,44/R$ 1,00.

O peso-pesado Derrick Lewis foi o responsável pela primeira surpresa do evento ao triunfar de forma emocionante sobre Alexander Volkov. Apesar do apoio da torcida, The Black Beast era considerado azarão, e os primeiros movimentos da luta davam a impressão de que o russo levaria a melhor. No entanto, o norte-americano conseguiu se recuperar nos instantes  finais, e nocauteou Volkov com um belo cruzado de direita. Na luta mais lucrativa do card principal, o apostador embolsou R$ 2,50 por cada real investido.

Brasileiros fazem bonito no card preliminar

Pelo card preliminar, o número cinco do ranking dos pesos-mosca, Jussier Formiga, fez uma luta tecnicamente perfeita para vencer por pontos o norte-americano Sergio Pettis, que ocupa a segunda colocação. No embalo do triunfo, o brasileiro já aproveitou para desafiar o atual campeão, Henry Cejudo, para uma luta que deve acontecer em dezembro. Formiga era considerado azarão, e o retorno ficou em R$ 2,20 por cada real apostado.

Vicente Luque, por sua vez, fez o que se esperava contra Jalin Turner, e precisou de pouco mais de três minutos para nocautear o estreante. Esta luta era considerada a maior barbada do UFC 229, com a vitória de Turner cotada em R$ 6,00/R$ 1,00. Como Luque levou a melhor, o apostador teve 12% de lucro.

A única decepção ficou por conta de Alan Nuguette, que perdeu para o lutador local Scott Holtzman. O brasileiro esperava entrar para o top 15 da divisão dos pesos-leve, mas encontrou pela frente um rival em boa fase, que chegou ao terceiro triunfo consecutivo. O combate era equilibrado até o terceiro round, quando o norte-americano conseguiu uma montada e passou a castigar Nuguette com uma série de cotoveladas até levá-lo ao nocaute. Este foi mais um resultado extremamente positivo para os apostadores, que embolsaram o triplo do valor investido.

UFC 229

6 de outubro de 2018, em Las Vegas (EUA)

CARD PRINCIPAL

Peso-leve: (R$ 1,62) Khabib Nurmagomedov x Conor McGregor (R$ 2,30)

Peso-leve: (R$ 1,28) Tony Ferguson x Anthony Pettis (R$ 3,65)

Peso-meio-pesado: (R$ 2,75) Ovince St-Preux x Dominick Reyes (R$ 1,44)

Peso-pesado: (R$ 2,50) Derrick Lewis x Alexander Volkov (R$ 1,54)

Peso-palha: (R$ 2,00) Michelle Waterson x Felice Herrig (R$ 1,77)

CARD PRELIMINAR

Peso-mosca: (R$ 1,66) Sergio Pettis x Jussier Formiga (R$ 2,20)

Peso-meio-médio: (R$ 1,12) Vicente Luque x Jalin Turner (R$ 6,00)

Peso-galo: (R$ 1,60) Tonya Evinger x Aspen Ladd (R$ 2,35)

Peso-pena: (R$ 2,55) Lina Lansberg x Yana Kunitskaya (R$ 1,52)

Peso-leve: (R$ 3,00) Scott Holtzman x Alan Nuguette (R$ 1,38)

Peso-leve: (R$ 2,80) Gray Maynard x Nik Lentz (R$ 1,43)

Peso-meio-médio: (R$ 1,71) Ryan LaFlare x Tony Martin (R$ 2,10)

 

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments