Médicos declaram morte cerebral da namorada de lutador do UFC

Nesta terça-feira (24), os médicos do Hospital Estadual de Santana anunciaram a morte cerebral de Tieli Alves Medeiros

R. Paiva e a namorada foram provocados em boate no Amapá. Foto: Reprodução/Instagram @raullianpaivamma

O lutador do UFC, Raulian Paiva e sua namorada foram atropelados em um cruzamento da cidade de Santana (AP) após conflito em casa noturna na madrugada de domingo (22). Nesta terça-feira (24), os médicos do Hospital Estadual de Santana anunciaram a morte cerebral de Tieli Alves Medeiros. As informações são do site Ag. Fight.

Veja Também

Após discussão em casa noturna, lutador do UFC e namorada são atropelados no Amapá
Atropelado após confusão, lutador do UFC se defende: ‘Foi uma covardia o que fizeram comigo’

Raulian explicou que foi provocado por um grupo de pessoas após um homem tentar importunar sua namorada. O lutador do UFC contou que ao sair da casa noturna os dois estava em uma moto e foram seguidos por um carro. Na sequência, o automóvel atropelou os dois e arrastou a motocicleta. Com a colisão, Paiva foi arremessado para longe, mas Tieli continuou junto ao veículo.

“Quando recuaram, montei na moto e fui embora com a minha namorada para casa. Quando o sinal fechou, reduzi e eles me pegaram. Eu não vi que eles estavam me seguindo, só percebi que o carro ia bater quando o reflexo do farol bateu no meu retrovisor. Não imaginava que eram eles. Quando vi que o veículo ia bater (na moto), tentei tirar o máximo possível para pegar mais em mim do que na minha namorada. Vieram em velocidade altíssima”, contou Raulian em entrevista ao site do canal Combate.

Na segunda-feira (22), os suspeitos de atropelarem o casal tiveram a prisão preventiva decretada pela Justiça do Amapá. Eles foram levados para o de Administração Penitenciária (Iapen).

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments