Marlon e Cejudo trocam farpas no Twitter e esquentam rivalidade para possível luta pelo cinturão

Com TJ Dillashaw abrindo mão do título dos galos, brasileiro e norte-americano esquentaram a rivalidade com troca de mensagens quentes

Cejudo (esq.) e Marlon (dir.) trocam farpas. Foto: Montagem SL MMA Press

Com o doping de TJ Dillashaw, o brasileiro Marlon Moraes, número um no ranking dos galos (até 61,2 kg.), e o norte-americano Henry Cejudo, campeão do peso mosca (até 56,7 kg.), são os principais candidatos a disputa do título abdicado pelo agora ex-campeão. E a rivalidade entre eles esquentou assim que o trono da categoria ficou vago.

Veja Também

TJ Dillashaw cai em antidoping e abre mão de cinturão dos galos
Raphael Assunção dispara contra TJ Dillashaw: ‘Nunca foi campeão de verdade’
Rafael dos Anjos encara Kevin Lee na luta principal do UFC Rochester

A confusão entre Marlon e Cejudo começou quando o brasileiro, em entrevista ao ‘Ariel Helwani’s MMA Show’, minimizou o fato do norte-americano subir ao peso galo já com a luta pelo cinturão. Sem perder tempo, Cejudo respondeu ao atleta tupiniquim pelo Twitter.

“Fui o medalhista de ouro olímpico mais jovem. Sou o campeão mosca do UFC e acabei de nocautear em 32 segundos um usuário de anabolizantes. Você acha que eu estou com medo de um ex-campeão do WSOF?”, disparou Henry, lembrando o título de Marlon, antes de assinar com o UFC.

O brasileiro não deixou barato e respondeu ao rival, lembrando de um flerte mal sucedido do campeão dos moscas a Nikki Bella, lutadora da WWE.

“Fiquei humilde meu amigo. Cuide do seu negócio e eu irei cuidar do meu ou se você mexer comigo será pior do que foi com aquela menina da WWE”, disparou o brasileiro.

Por fim, Cejudo voltou a atacar o brasileiro e seu empresário, Ali Abdelaziz, conhecido por criar várias intrigas com os adversários de seus clientes.

“Oh, olha o campeão do WSOF agindo como durão agora. Boa, Magic (apelido de Marlon). Foi Ali (Abdelaziz) quem escreveu essa para você?”.

Apesar do clima tenso entre Marlon Moraes e Henry Cejudo, o UFC ainda não se posicionou sobre o futuro da divisão de galos. Apesar de TJ Dillshaw ter aberto mão do título assim que o anúncio do doping foi feito, ele ainda continua como campeão no site da franquia.

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário