Holloway e Adesanya são favoritos para as lutas por cinturão no UFC 236

O cinturão interino é um recurso utilizado pelo UFC quando o campeão da categoria estiver impedido de lutar. Com isso, a categoria não fica parada

Holloway é favorito contra Porier no UFC 236. Foto: Facebook @ufc

Atlanta, cidade dos Estados Unidos, recebe o UFC 236 neste sábado (13).  O embate mais aguardado da noite é entre o americano Max Holloway e o compatriota Dustin Poirier pelo peso leve, válido pelo cinturão interino dos leves (até 70,3 kg.)

Veja Também

UFC 236 conta com três lutadores brasileiros no card preliminar; veja como apostar e lucrar

Atual campeão do peso pena, Holloway, de 27 anos, nascido no Havaí, passa por uma fase bem positiva, tendo um cartel de 20 vitórias e apenas 3 derrotas. Para você ter uma ideia melhor do momento que ele vive, o revés mais recente aconteceu no dia 17 de agosto de 2013, sofrida para o irlandês Conor McGregor. Foram 13 triunfos consecutivos. Entre as suas vítimas está o brasileiro José Aldo.

Com este retrospecto, fica fácil entender por que ele é o grande favorito para levar a melhor. De acordo com o OddsShark, a sua cota de retorno é de R$ 1,44 a cada R$ 1,00 aplicado.

Três anos mais velho, natural da Luisiana, Poirier, com a campanha de 24 triunfos e 4 reveses, vem de uma vitória sobre Eddiel Alvarez com um nocaute técnico (socos) em julho do ano passado. Atualmente, ele é o 3º colocado do ranking do peso-leve, e está avaliado em R$ 2,75. Se você está pensando em dar uma arriscada, investir na zebra, tenho uma boa informação para te dar. A luta do fim de semana será a segunda entre estes dois atletas. Na primeira, disputada em 2012, pelo peso-pena, Dustin Poirier levou a melhor, acabando com o confronto ainda no primeiro round.

Mais decisão…

Quem também sobe no octógono na busca pelo cinturão interino do peso-médio é o californiano Kelvin Gastelum, no 4º lugar do UFC, e o nigeriano Israel Adesanya, que vem logo atrás na classificação. Será o primeiro confronto entre eles. A previsão é de uma luta bem física e dura. Não imagino que o duelo irá acabar logo no primeiro round.

Em sua apresentação mais recente, no dia 9 de fevereiro, Adesanya, de 29 anos, superou o brasileiro Anderson Silva, um dos grandes ídolos do MMA. Lembra? Com este resultado, o africano atingiu a marca de 16 vitórias, mantendo a sua invencibilidade. O valor de retorno dele é de R$ 1,57, contra R$ 1,45 do oponente, segundo o OddsShark. No UFC, ele só tem 5 lutas.

Gastelum, de 27 anos, visto como azarão, é um lutador bem difícil de ser superado, vale a pena ressaltar. Ele está desde 2017 no peso-médio, vindo de 3 vitórias e 1 derrota. Recentemente, o americano venceu o brasileiro Ronaldo Souza em maio de 2018. No geral, até agora, foram 15 resultados positivos e 3 negativos.

Confira as lutas e as cotas do UFC 236:

CARD PRINCIPAL

A partir de 0h, horário de Brasília

Max Holloway (R$ 1,44) x (R$ 2,75) Dustin Poirier – Peso leve

Kelvin Gastelum (R$ 2,45) x (R$ 1,57) Israel Adesanya – Peso leve

Eryk Anders (R$ 1,50) x (R$ 2,60) Khalil Rountree – Peso meio-pesado

Alan Jouban (R$ 1,83) x (R$ 1,90) Dwight Grant – Peso meio-médio

Ovince St-Preux (R$ 1,90) x (R$ 1,83) Nikita Krylov – Peso meio-pesado

CARD PRELIMINAR

A partir das 20h30, no horário de Brasília

Jalin Turner (R$ 1,83) x (R$ 1,90) Matt Frevola – Peso meio-pesado

Wilson Reis (R$ 2,30) x (R$ 1,62) Alexandre Pantoja – Peso mosca

Max Griffin (R$ 2,00) x (R$ 1,77) Zelim Imadaev – Peso meio-médio

Boston Salmon (R$ 1,74) x (R$ 2,05) Khalid Taha – Peso meio-médio

Curtis Millender (R$ 2,15) x (R$ 1,69) Belal Muhammad – Peso meio-médio

Montel Jackson (R$ 1,18) x (R$ 4,75) Andre Soukhamthath – Peso galo

Lauren Mueller (R$ 2,40) x (R$ 1,58) Poliana Botelho – Peso mosca

Brandon Davis (R$ 1,58) x (R$ 2,40) Randy Costa – Peso galo

 

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário