Anderson Silva recebe suspensão médica de seis meses após UFC 237; Jéssica Andrade é afastada por 45 dias

Condição de ‘Spider’, no entanto, pode ser reduzida após exame de imagem; Bethe Correia, Laureano Staropoli e Rose Namajunas também recebem gancho severo

A. Silva é afastado por seis meses após UFC 237. Foto: Reprodução/Twitter SpiderAnderson

A Comissão Atlética Brasileira de MMA divulgou as suspensões médicas aplicadas aos atletas após o UFC 237, ocorrido neste sábado (11). A lista de afastamento foi apresentada pelo ‘Combate’ na manhã desta segunda-feira (13). Quatro lutadores receberam pausa de 180 dias na carreira.

Veja Também

Vídeo: Fã recria nocaute de Jéssica Bate-Estaca sobre Namajunas em animação; Assista!
Médico diz que Anderson Silva não teve fratura, mas equipe teme lesão nos ligamentos do joelho
Cannonier diz que lesão de Anderson Silva não diminui sua vitória

Após a derrota para Jared Cannonier na luta co-principal do evento, que ocorreu no Rio de Janeiro, Anderson Silva recebeu suspensão de seis meses após a sua derrota. Na ocasião, ‘Spider’ perdeu a luta após receber um chute duro no joelho direito, fazendo a lenda brasileira imediatamente cair ao solo e obrigando o árbitro a parar a luta. A situação de Anderson, porém, pode ser reduzida caso o atleta apresente um exame de imagem que não identifique uma lesão grave e que permita que o lutador retorne aos treinamentos em um menor espaço de tempo.

Assim como ‘Spider’, mais três atletas também receberam um gancho de seis meses: a ex-campeã das palhas (até 52,1kg.), Rose Namajunas, o algoz de Thiago ‘Pitbull’, Laureanno Staropoli e a paraibana, Bethe Correia. Todos os lutadores poderão ter seu afastamento reduzido, na mesma condição de Anderson.

A nova campeã, Jéssica Andrade, a ‘Bate-Estaca’, ficará afastada dos combates por 45 dias e estará liberada para retornar aos treinamentos após um mês de descanso. O manauara José Aldo recebeu uma suspensão leve. Caso decida continuar lutando, o atleta precisará ficar longe das lutas por duas semanas, e pode retornar aos treinamentos em uma. Ex-campeão dos penas (até 65,7kg.) foi derrotado após embate apagado no último sábado.

Confira suspensões após UFC 237

Bethe Correia: 180 dias de suspensão, ou liberação de um ortopedista com raio-x e ressonância do cotovelo direito. Caso seja aprovada, 45 de afastamento e 30 dias sem contato físico;

Anderson Silva: 180 dias de suspensão, ou liberação de um ortopedista com ressonância magnética do joelho direito. Caso seja aprovado, 45 dias de afastamento e 30 dias sem contato físico;

Laureano Staropoli: 180 de suspensão, ou liberação com raio-x do nariz. Caso seja aprovado, 30 dias de afastamento e 21 dias sem contato físico;

Rose Namajunas: 180 dias de suspensão, ou liberação com ressonância magnética do pescoço. Caso seja aprovada, 60 dias de afastamento e 45 sem contato físico;

Viviane Araújo: 14 dias de suspensão médica e sete dias sem contato físico;

Carlos Huachím: 45 dias de suspensão médica e 30 dias sem contato físico;

Priscila Pedrita: 30 dias de suspensão médica e 21 dias sem contato físico;

Clay Guida: 45 dias de suspensão médica e 30 dias sem contato físico;

Sergio Moraes: 60 dias de suspensão médica e 45 dias sem contato físico;

Kurt Holobaugh: 30 dias de suspensão médica e 21 dias sem contato físico;

Ryan Spann: 14 dias de suspensão médica e sete dias sem contato físico;

Alexander Vokanovski: 24 dias de suspensão médica e sete dias sem contato físico;

Jéssica Bate-Estaca: 45 dias de suspensão médica e 30 dias sem contato físico;

Talita Bernardo: 60 dias de suspensão médica e 45 dias sem contato físico;

Raoni Barcelos: 14 dias de suspensão médica e sete dias sem contato físico;

Luana Carolina: 30 dias de suspensão médica e 21 dias sem contato físico;

BJ Penn: 30 dias de suspensão médica e 21 dias sem contato físico;

Warlley Alves: 14 dias de suspensão médica e sete dias sem contato físico;

Thiago Moisés: 30 dias de suspensão médica e 21 dias sem contato físico;

Antônio Rogério Minotouro: 60 dias de suspensão médica e 45 dias sem contato físico;

Irene Aldana: 14 dias de suspensão médica e sete dias sem contato físico;

Thiago Pitbull: 30 dias de suspensão médica e 21 dias sem contato físico;

José Aldo: 14 dias de suspensão médica e sete dias sem contato físico;

Jared Cannonier: 14 dias de suspensão médica e sete dias sem contato físico;

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário