Lutador do UFC, Walt Harris pede ajuda para encontrar filha desaparecida

Peso pesado faz publicação com fotos da garota, que não é vista desde o dia 23, quarta-feira

W. Harris procura filha desaparecida. Foto: Reprodução/Instagram @thebigticket205

O peso pesado do Ultimate, Walt Harris usou as redes sociais para procurar sua filha, Aniah Blanchard, que está desaparecida desde o último dia 23, quarta-feira. Em apelo desesperado, o pai pediu ajuda para que os seguidores divulgassem o pedido e entrassem em contato com a polícia de Auburn (EUA), caso tenham alguma informação.

Veja Também

Após anunciar retorno, Conor é desafiado por Gaethje: ‘Mostre ao mundo o covarde que você é’
Demian Maia é azarão contra Ben Askren na luta principal do UFC Singapura
John Lineker vence Muin Gafurov em estreia pelo ONE FC

“Por favor, ajudem a achar a minha filha, Aniah Blanchard. Ela está desaparecida. Estamos em Auburn. Por favor, nos ajude. Quem tiver qualquer informação, me mande uma mensagem ou ligue para a polícia de Auburn. Por favor. O nome da minha filha é Aniah. Por favor, divulguem”, publicou o lutador.

Segundo informações do canal norte-americano ‘WTVN’, Aniah foi vista pela última vez antes da meia noite da última quarta-feira. A filha de Harris tem 19 anos e usava um vestido preto.

Em um primeiro momento, a polícia local descartou a possibilidade de ter havido algum crime e segue nas investigações do caso.

O incidente pode influenciar na preparação de Walt para seu combate contra Alistair Overeem, que acontece em 7 de dezembro, pelo UFC Washington. Funcionário do Ultimate desde 2014, o combatente tenta sua terceira vitória consecutiva pela empresa ao enfrentar o experiente holandês.

Profissional desde 2011, Harris disputará sua 21ª peleja na carreira. Atualmente o pesado soma 13 vitórias e sete derrotas. Seu último resultado negativo aconteceu em novembro de 2017, quando foi desqualificado ao aplicar um chute ilegal em Mark Godbeer.

Em sua trajetória, o norte- americano já dividiu o octógono com nomes como os de Fabrício Werdum, Nikita Krylov e o ex-campeão da categoria, Andrei Arlovski, com quem empatou no combate válido pelo UFC 232, em dezembro do ano passado.

 

 

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments