‘Paraense Voador’ volta ao octógono contra Diego Sanchez no UFC Rio Rancho, em fevereiro

Michel Pereira tenta apagar última apresentação e tem teste de fogo contra experiente atleta da companhia

M. Michel (foto) volta ao octógono contra D. Sanchez em fevereiro. Foto: Reprodução / YouTube

O brasileiro Michel Pereira, que tem ficado conhecido no MMA como ‘Paraense Voador’ terá um verdadeiro teste de fogo em sua próxima apresentação. Precisando vencer para apagar a má atuação em sua derrota para Tristan Connelly, em setembro, o atleta irá encarar o veterano Diego Sanchez em um dos combates do UFC Rio Rancho, em 15 de fevereiro. A informação foi divulgada pelo atleta em sua conta oficial no Instagram.

Veja Também

Johnny Walker é escalado para o UFC Brasília e enfrenta Nikita Krylov, em março
Invicta no MMA, Mayra Sheetara enfrenta Maryna Moroz no UFC Brasília, diz site
Aldo revela que derrota para Volkanovski doeu mais do que revés para McGregor

Michel tem ganhado fama mundial pela sua maneira irreverente de se comportar dentro do octógono. Com saltos mortais e golpes plásticos, o combatente tenta surpreender seus adversários e sair vitorioso dentro de suas apresentações.

Logo em sua estreia pelo Ultimate, em maio, pelo UFC Rochester, Pereira deu um grande cartão de visita aos fãs ao nocautear Danny Roberts com menos de dois minutos do round inicial. O atleta saiu do octógono bastante aplaudido e deixou, de fato, uma boa impressão aos fãs brasileiros.

A magia, no entanto, durou pouco. Após uma estreia espetacular, o paraense voltou a atuar quatro meses depois. No UFC Vancouver, no Canadá, o combatente enfrentou um oponente que topou o desafio de última hora. O que parecia uma apresentação tranquila acabou se tornando um pesadelo para o brasileiro.

Contra Tristan Connely, o atleta tentou repetir a atuação plástica da estreia, mas acabou pecando no exagero, que lhe custou o fôlego e garantiu a derrota na decisão unânime dos juízes depois de três rounds sufocantes.

Em fevereiro, Michel terá a chance de mostrar que pode, de fato, ser um grande representante dos meio-médios da organização. Contra Sanchez, de 37 anos e com mais de 30 lutas em sua carreira como profissional, o paraense poderá se redimir e afastar a má impressão de sua última performance.

Até o momento, o UFC Rio Rancho tem sete lutas programadas. Os protagonistas da noite serão Jan Blachowicz e Corey Anderson, que realizam um confronto direto por uma chance de lutar pelo cinturão dos meio-pesados.

 

Ver essa foto no Instagram

 

Vai ter onda! Me aguardem

Uma publicação compartilhada por Michel “Demolidor” Pereira (@michelpereiraufc) em

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments