Vitória sobre Cerrone coloca McGregor oficialmente no ranking dos meio-médios

Atuação de gala contra norte-americano faz com que irlandês ‘aterrize’ em nova categoria e suba de posição entre os leves e peso-por-peso; Diego Ferreira ‘chega’ aos leves

C. McGregor em pesagem pelo UFC. Foto: Reprodução/Instagram @ufc

A moral voltou. Depois de ter ficado fora do MMA por mais de um ano e encerrar um jejum de mais de três anos sem vitórias pelo Ultimate, a performance inquestionável de Conor McGregor no UFC 246 gerou grandes frutos. Com um nocaute brutal sobre Donald Cerrone, o irlandês entrou de vez no ranking dos meio-médios e subiu posições no peso-por-peso e leves. A informação foi divulgada no site oficial do ‘UFC’.

Saiba mais

Após ‘show’ no UFC 246, saiba o que Conor McGregor pode esperar para o futuro
Joseph Benavidez espera disputa de cinturão emocionante contra Deiveson Figueiredo
Usman ignora McGregor e pede luta contra Masvidal: ‘Está evitando o confronto’

O compromisso do UFC 246 marcou a terceira atuação de Conor dentro da categoria até 77kg. Em 2016, o ‘Notório’ havia disputado duas lutas na categoria, quando enfrentou Nate Diaz por duas vezes, perdendo uma e vencendo na revanche.

Agora, após nova disputa na categoria e vitória com apenas 40 segundos de batalha, McGregor surgiu como 14º colocado na divisão que atualmente é dominada por Kamaru Usman.

As boas notícias para Conor não param por aí. Seu rendimento em sua volta agradou tanto os jornalistas responsáveis por promover a atualização do ranking que o combatente ultrapassou Justin Gaethje entre os leves, assumindo a terceira colocação.

A ascensão do irlandês foi ainda maior quando verificado o quadro de atletas presente entre os melhores peso-por-peso da organização. O triunfo sobre o ‘Cowboy’ fez com que McGregor subisse duas posições. Após a divulgação, o ‘Notório’, hoje, ocupa a 11ª colocação no grupo dos combatentes mais eficientes do UFC. Conor, agora, figura a frente de nomes como Valentina Shevchenko, Max Holloway, Dustin Poirier e Tyron Woodley.

Depois do espetáculo ocorrido no último dia 18, Conor foi evasivo quando questionado quais seriam seus próximos passos na carreira. O atleta não confirmou se pretende retornar aos leves em seu próximo desafio, continuar a atuar entre os meio-médios ou disputar uma nova luta de boxe.

Carlos Diego Ferreira ‘chega’ aos leves

Além de McGregor, outro atleta que atuou no UFC 246 tem motivos de sobra para comemorar. Depois de sair vitorioso na luta mais importante de sua carreira até o momento, Carlos Diego Ferreira chegou à 11ª posição no ranking dos leves.

No último sábado, o amazonense enfrentou o ex-campeão da divisão, Anthony Pettis e teve performance segura, conseguindo uma finalização logo no segundo round. Com o resultado positivo, o brasileiro atingiu a marca de seis vitórias consecutivas pelo Ultimate e segue a trajetória rumo à elite da categoria.

 

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário