Dana critica árbitro e treinadores de Anthony Smith por não interromperem confronto contra Glover

Presidente do UFC acredita que combate entre brasileiro e norte-americano deveria ter sido interrompido após grande castigo aplicado por mineiro durante três rounds

D. White em coletiva de imprensa. Foto: Reprodução/YouTube UFC

O presidente do Ultimate, Dana White, não gostou nada da forma com que o árbitro da luta entre Glover Teixeira e Anthony Smith, Jason Herzog conduziu a luta principal desta quarta-feira (13). Após um verdadeiro massacre protagonizado pelo brasileiro, o ‘chefão’ acredita que o confronto deveria ter sido interrompido antes do quinto round, quando foi declarado o nocaute sobre o norte-americano.

Veja Também

Após ser diagnosticado com Covid-19, Ronaldo Jacaré manda mensagem aos fãs
Jon Jones se rende ao show de Glover Teixeira contra Anthony Smith: ‘Ele não está de brincadeira’
Site informa que pai de Khabib está em coma e russo recebe mensagens de apoio de Dana e McGregor

“Achei que o seu córner deveria ter parado a luta. Não sou médico, mas duvido que ele não tenha fraturado o osso orbital. A cada golpe no local, ele se encolhia. Eu tenho monitores de TV na minha frente, e eu disse: ‘Teixeira estava acertando a cara dele e ele chamou o árbitro, lhe deu alguma coisa, e o árbitro guardou no bolso. Que mer** é essa?’ Ele deu seus dentes ao árbitro e ele os guardou no bolso’. Foi uma loucura. Quando ele voltou para o córner, ele disse que seus dentes estavam caindo. Por isso não achei que ele voltaria para o quinto round. Eu acho que o seu córner tinha que ter parado a luta, não achei que eles o deixariam voltar para o quinto round. Mas isso é entre ele sua equipe. O árbitro também poderia ter parado a luta no quarto round. Olhando de fora, foi difícil de assistir. Daniel Cormier estava se contorcendo”, disse o mandatário em entrevista após o espetáculo.

Em conversa com a imprensa depois do card, Glover confirmou a versão dita por White. O brasileiro contou que, em um momento do combate, Smith haveria pedido para que Herzog segurasse um dos seus dentes. O mineiro se disse surpreso com a reação e não compreendeu o que acontecia no momento.

Após a crítica ao árbitro e equipe de Anthony, Dana aproveitou a fala para elogiar Teixeira e sugerir o próximo passo do atleta dentro da categoria dos meio-pesados (até 93kg.).

“Glover foi muito bem, acho que ele está na melhor forma que eu já vi. Ele não desacelerou o ritmo em nenhum momento durante os cinco rounds”, disse White, que informou uma possibilidade de confronto para o mineiro.

“Nós temos Jan Blachowicz no grupo dos que podem disputar o cinturão dos meio-pesados. Dominick Reyes também. Talvez façamos Reyes x Teixeira para ver quem será o próximo desafiante. Não estou me concentrando nisso agora”, finalizou.

 

 

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments