Woodley se manifesta após derrota para Durinho: ‘Estou com uma paz estranha’

Norte-americano lamenta revés, mas afirma que deu o seu melhor e afirma que vai retornar mais forte

T. Woodley (esq.) se manifesta após derrota para G. Durinho (dir.). Foto: Reprodução/Instagram @ufc_brasil

No último sábado (30), Gilbert Durinho conquistou a maior vitória de sua carreira ao bater o ex-campeão dos meio-médios (77kg.), Tyron Woodley, e chegar ao topo da categoria. Após o revés, o norte-americano quebrou o silêncio e afirmou que estava em paz com o resultado negativo, pois acredita que deu o seu melhor contra o brasileiro.

Veja Também

Dana White alfineta Jones e aumenta crise com campeão: ‘Não vai ganhar US$30 milhões’
Kamaru Usman elogia show de Gilbert Durinho sobre Tyron Woodley: ‘Performance incrível, amigo’
Revoltado com o UFC, Jon Jones afirma que vai abrir mão de cinturão dos meio-pesados: ‘Bones está fora’

“Eu estou sentindo uma paz estranha para alguém que acabou de ter o traseiro chutado. Não é por perder para Gilbert. Ele chegou, fez sua parte e, no fim do dia, não foi como na luta contra (Kamaru) Usman, quando pareceu que eu não estava lá. Eu estava lá, estava respondendo. Escutei o que meus treinadores diziam. Eu apenas não conseguia tocá-lo. Eu posso aceitar uma derrota quando eu estava presente de corpo e alma”, afirmou o norte-americano com um vídeo em sua conta no Instagram.

O confronto deste final de semana marcou o retorno de Tyron ao octógono após mais de um ano afastado do esporte. O atleta não se apresentava desde que perdeu o posto de campeão para Kamaru, em março do ano passado. Mesmo com o resultado negativo, o ex-número um afirmou que o trabalho foi feito para o confronto contra o niteroiense.

“Eu não tenho desculpas. Eu treinei duro. Estava em grande forma. Eu senti que fiz tudo certo. Tudo estava bem. Eu olhei nos olhos dele e sabia que estava pronto para a luta. Achei que estava tudo bem”, contou.

Sobre seu futuro no UFC, o lutador de 38 anos se limitou a dizer que vai voltar a se apresentar. Ciente que segue como um dos principais nomes da divisão, Tyron quer permanecer no esporte.

“Infelizmente, a vitória não veio. Vou seguir com a cabeça erguida e vou voltar, porque sou um campeão”, finalizou.

 

Ver essa foto no Instagram

 

Uma publicação compartilhada por Tyron Woodley (@twooodley) em

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments