UFC se manifesta após agressão de Mike Perry em restaurante nos Estados Unidos

Organização opta por não demitir lutador, mas afasta atleta de compromissos e impõe tratamento psicológico para reintegrar meio-médio em seus eventos

M. Perry é afastado das atividades do UFC. Foto: Reprodução/Instagram

O Ultimate se manifestou após o caso de agressão envolvendo o meio-médio (até 77kg.) Mike Perry em um restaurante nos Estados Unidos. Em nota, a empresa decidiu não demitir o combatente, mas afastou o atleta por tempo indeterminado de seus cards futuros. A reintegração será condicionada a um tratamento psicológico por parte do norte-americano.

Veja Também

Vanessa Melo justifica falha em corte de peso para o UFC 251: ‘Não foi culpa minha’
Durinho aposta em luta chata entre Usman e Masvidal no UFC 251: ‘Vão sentir minha falta’
José Aldo e Jorge Masvidal usam toalha, mas batem peso e garantem disputas de cinturão

“O UFC está ciente e perturbado com o vídeo que foi divulgado ontem à noite (terça-feira) sobre Mike Perry. A conduta exibida por Perry não é reflexo da nossa organização. Perry se desculpou pelo seu comportamento e reconheceu que estava desiludido consigo próprio, que as suas ações podem ter refletido mal no UFC. Reconheceu, ainda, que acredita ter algumas questões relacionadas com o abuso do álcool e informou ao UFC que se comprometeu a procurar imediatamente tratamento profissional, incluindo aconselhamento sobre substâncias e comportamento. Neste momento, o UFC informou a Perry que não lhe serão oferecidas lutas, e as partes concordaram em avaliar os próximos passos para Perry após a conclusão do seu programa de tratamento”, escreveu a assessoria do Ultimate.

Mike, que é conhecido por um estilo agressivo e irreverente dentro do octógono, foi flagrado em momento de fúria após ser convidado a se retirar de um restaurante no Texas (EUA). Nas imagens divulgadas, o atleta se mostra alterado e acaba agredindo com um soco um homem de mais idade.

De acordo com boletim da polícia local, Perry chegou a atacar mais pessoas no estabelecimento, incluindo uma mulher. O lutador estava acompanhado de sua namorada, Latory Gonzalez, que tentava acalmar o parceiro, mas sem sucesso.

Mike se apresentou recentemente pelo UFC. Na ocasião, o atleta surpreendeu ao dispensar seus treinadores e subir ao octógono, em junho, apenas com Latory em seu córner. O meio-médio acabou vencendo Mickey Gall, interrompendo uma sequência de dois resultados negativos.

Veja o registro da agressão abaixo

 

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments