Thomas Almeida promete ser um lutador diferente em seu retorno: 'Meu foco é ser completo' | SUPER LUTAS

Thomas Almeida promete ser um lutador diferente em seu retorno: ‘Meu foco é ser completo’

Sem lutar desde janeiro de 2018, brasileiro visa se recuperar das derrotas consecutivas e mostrar evolução como lutador de MMA

T. Almeida volta a lutar após dois anos afastado. Foto: Reprodução/Instagram @thomasalmeidacb

O ano de 2020 tem causado bastante surpresas e, quando o assunto é o MMA, o cenário não é diferente. Se vários lutadores anunciam a aposentadoria, outros retornam ao esporte e esse é o caso de Thomas Almeida. O brasileiro, que estava afastado desde janeiro de 2018, devido a uma lesão no olho, que, inclusive exigiu cirurgia, lutará contra Alejandro Perez, no dia 11 de outubro, na Ilha da Luta, e está animado para mostrar sua transformação. Ao site norte-americano MMA Junkie, Thominhas explicou que assimilou as críticas que recebeu após as derrotas para Jimmie Rivera e Rob Font e prometeu mostrar tudo que aprendeu durante o longo período longe do octógono.

Veja Também

“Perdi para mim mesmo. Sei que sou capaz de fazer muito mais, porém, às vezes, temos que voltar, consertar alguns problemas e aprender movimentos novos. Busco ser um lutador de MMA. Esse é o meu foco agora e o que busco melhorar. Não apenas lutar em pé e sim ser um atleta completo. Minha mentalidade mudou, mas minha raiz nunca vai mudar. Tenho que ser mais inteligente, controlar a luta, pontuar, aplicar quedas. Vou mudar um pouco, mas minha meta sempre será nocautear ou finalizar o adversário”, disse Thominhas.

Assim como o brasileiro, Perez também perdeu duas lutas consecutivas, o que torna a luta bastante perigosa. No entanto, Almeida não acredita que o combate será amarrado e elogiou o adversário.

“Perez é duro. Vamos nos divertir e daremos um show aos fãs. Sempre busco o nocaute e não vou mudar. É uma promessa. Gosto dessa luta, porque Perez gosta de trocar golpes em pé, assim como eu, e também é muito agressivo. Acho que os fãs vão adorar a luta, porque sempre estamos em busca do nocaute”, finalizou.

Apesar de jovem, Thomas Almeida, de 29 anos, possui bastante experiência no UFC. Antes da pausa, o brasileiro disputou oito lutas pela organização e seu início foi avassalador. O atleta venceu os quatro primeiros combates, conquistando bônus em todos os eventos, e só foi parado por Cody Garbrandt. Em 2016, esse duelo definiu qual seria a promessa que daria um passo adiante no peso galo (61,2kg).

Comentários

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments