Campeões, Israel Adesanya e Jan Blachowicz faturam bônus de performance no UFC 253

Reis do peso médio e meio-pesado impressionaram no octógono e levam US$50 mil; Brandon Royval e Kai Kara-France fazem a luta da noite

I. Adesanya (esq.) e J. Blachowicz (dir) faturam bônus no UFC 253. Foto: Reprodução/Instagram @ufc

Israel Adesanya viveu uma noite inesquecível. O campeão do peso médio colocou o cinturão em jogo contra Paulo Borrachinha, no UFC 253, evento realizado no sábado (26), em Abu Dhabi, brilhou ao nocautear o brasileiro no segundo round e também conquistou um dos bônus de performance do evento, ou seja, levou para a casa US$50 mil (quase R$270 mil).

O segundo prêmio por atuação foi destinado à Jan Blachowicz, que se tornou o mais novo campeão do peso meio-pesado ao nocautear Dominick Reyes. Válida pelo peso mosca, Brandon Royval x Kai Kara-France foi eleita a melhor luta da noite.

Veja Também

VÍDEO: Assista o nocaute de Jan Blachowicz sobre Dominick Reyes no UFC 253
VÍDEO: Assista o nocaute de Israel Adesanya sobre Paulo Borrachinha no UFC 253
Adesanya atropela Borrachinha, vence por nocaute e defende cinturão no UFC 253
Blachowicz faz história no UFC 253, vence Reyes por nocaute e é o novo campeão dos meio-pesados
Danilo Marques vence em estreia, mas Alex Leko é derrotado no card preliminar do UFC 253

Israel Adesanya prometeu que iria nocautear no UFC 253 e cumpriu. O campeão dos médios assimilou as críticas que recebeu na luta contra Yoel Romero e descontou a insatisfação em Borrachinha. O nocaute aplicado pelo nigeriano, no segundo round, corresponde a sua segunda defesa de cinturão.

Em luta válida pelo cinturão vago dos meio-pesados, Jan Blachowicz surpreendeu ao nocautear Dominick Reyes no segundo round. O polonês, que já vinha mostrando ser dono de um poder impressionante nos últimos combates, ignorou o status de azarão e partiu para o ataque e foi premiado com o bônus e com o título da categoria.

Por último, mas não menos importante, vem o duelo entre Brandon Royval e Kai Kara-France. Os atletas do peso mosca confirmaram a expectativa ao travarem um duelo intenso. Royval chegou a sofrer um knockdown, porém logo se recuperou, aplicou um knockdown em Kai Kara e o finalizou aos 48 segundos do segundo round.

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments