Blachowicz faz história no UFC 253, vence Reyes por nocaute e é o novo campeão dos meio-pesados

Após nove anos, a categoria se vê livre do domínio de Jon Jones e Daniel Cormier e inaugura era polonesa

J. Blachowicz se torna campeão do UFC ao nocautear D. Reyes. Foto: Reprodução/Inatagram @ufc_brasil

Nove anos, esse foi o tempo que o peso meio-pesado (93kg) esperou para ter um campeão diferente de Jon Jones e Daniel Cormier. O dono do feito histórico foi Jan Blachowicz, que derrotou Dominick Reyes por nocaute, no UFC 253, evento realizado no sábado (26) em Abu Dhabi.

Aos 37 anos, o polonês, que era o grande azarão para o combate, surpreendeu ao ter uma performance bastante segura e conquistou a sua quarta vitória consecutiva. Antes de iniciar a era Blachowicz, o atleta europeu havia superado Corey Anderson, Ronaldo Jacaré e Luke Rockhold.

A luta

Apesar de ter algo bastante valioso em jogo, os protagonistas não se estudaram tanto quanto se imaginou e partiram para a ação. O primeiro minuto de combate foi preenchido por chutes baixos das duas partes e Reyes conseguiu acertar um bom golpe, que desestabilizou Blachowicz. O polonês mostrou que se recuperou bem ao aplicar uma bonita sequência no norte-americano. Os atletas continuaram lutando em pé, focando na trocação. Na parte final, Blachowicz foi para o ataque e foi a vez dele de desestabilizar Reyes, ao acertar sua têmpora. A força dos chutes do polonês era tão absurda, que a costela direita de Reyes não demorou a ficar roxa. Estava mais claro do que nunca que o duelo era baseado em volume x poder.

No segundo assalto, Reyes, que sentiu a pressão e força dos golpes de Blachowicz voltou mais atento e procurou ser mais ativo, porém, ao mesmo tempo que atacava, oferecia brechas. Calmo e focado, o polonês reagia bem às investidas do norte-americano e seguia aplicando suas sequências com a mesma potencia inicial. Em uma delas, Reyes sentiu o golpe e balançou no octógono. Ao perceber que o adversário estava em apuros, Blachowicz não desperdiçou a oportunidade de encerrar a luta e o nocauteou, aplicando golpes no solo.

Vale lembrar que, nas entrevistas e na coletiva pré-evento, Blachowicz profetizou que venceria Reyes por nocaute  nos rounds iniciais. Confiante e empolgado, o novo campeão dos meio-pesados não perdeu tempo e tratou de desafiar Jon Jones, que abandonou o cinturão para se aventurar no peso pesado (120,2kg).

Resultados do UFC 253

CARD PRINCIPAL

Peso médio: Israel Adesanya derrotou Paulo Borrachinha por nocaute técnico a 3m59s do R2 – Luta por cinturão

Peso meio-pesado: Jan Blachowicz derrotou Dominick Reyes por nocaute técnico a 4m36s do R2- Luta por cinturão

Peso mosca: Brandon Royval finalizou Kai Kara-France com uma guilhotina a 48s do R2

Peso galo: Ketlen Vieira derrotou Sijara Eubanks na decisão unânime dos juízes (29-28, 29-28, 29-28)

Peso pena: Hakeem Dawodu derrotou Zubaira Tukhugov na decisão dividida dos juízes (29-28, 30-27, 29-38)

CARD PRELIMINAR

Peso leve: Brad Riddell derrotou Alex Leko na decisão unânime dos juízes (29-28, 29-28, 29-28)

Peso meio-médio: Jake Matthews derrotou Diego Sanchez  na decisão unânime dos juízes (30-26, 30-26, 30-26)

Peso pena: Ludovit Klein derrotou Shane Young por nocaute a 1m16s do R1

Peso meio-pesado: William Knight derrotou Aleksa Camur na decisão unânime dos juízes (29-28, 30-27, 30-27)

Peso pesado: Juan Espino finalizou Jeff Hughes com uma cervical a 3m48s do R1

Peso meio-pesado: Danilo Marques derrotou Khadis Ibragimov na decisão unânime dos juízes (29-28, 29-28, 30-27)

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments