Marlon Moraes não se abala após derrota para Sandhagen e promete: ‘Dezembro estou de volta’

Derrotado por norte-americano no UFC Ilha da Luta 5, brasileiro agradece apoio e garante foco para retomar o caminho das vitórias

M. Moraes prometeu voltar ao octógono até dezembro. Foto: Reprodução/Instagram

Derrotado no UFC Ilha da Luta 5, realizado no último sábado (10), em Abu Dhabi, Marlon Moraes não quer saber de descanso. Após o revés para Cory Sandhagen, o brasileiro usou as redes sociais para agradecer o apoio dos fãs e prometeu voltar ao octógono ainda este ano, para retomar o caminho das vitórias.

Veja Também

Marlon Moraes começa bem, mas é surpreendido por chute rodado e perde por nocaute no UFC Ilha da Luta 5
Nocaute sobre Marlon Moraes rende a Cory Sandhagen o bônus de ‘Performance da Noite’
Depois de bater Marlon Moraes, Sandhagen pede TJ Dillashaw ou Frankie Edgar para próximo desafio
VÍDEO: Lutador aplica o ‘nocaute mais bonito da história’ no UFC Ilha da Luta 5
IMAGEM FORTE: Lutador fica com braço envergado, mas se recusa a desistir no UFC Ilha da Luta 5

“Vou continuar batalhando pelos meus. Quem está junto, está. Obrigado a todos pela torcida. Dezembro estou de volta”, escreveu o brasileiro.

A luta contra Sandhagen representava muito para a categoria dos galos (até 61,2kg.). Com dois dos melhores atletas da categoria, uma vitória colocaria um deles em posição de destaque para uma futura disputa de cinturão, que hoje pertence a Petr Yan.

No confronto, Marlon teve bons momentos. Após um primeiro round movimentado, o friburguense equilibrou as ações contra Cory. No entanto, no segundo assalto, Moraes acabou sendo vítima de um chute rodado aplicado pelo rival, que entrou em cheio na cabeça e o levou ao chão. Após o ataque, Sandhagen precisou de mais alguns golpes até que o árbitro interrompesse o confronto, declarando nocaute ao norte-americano.

Marlon não perdia desde o revés para Henry Cejudo, em disputa pelo título, vago à época. O friburguense estava sem lutar desde dezembro do ano passado, quando derrotou José Aldo na estreia do manauara na categoria.

Depois do embate, Sandhagen surpreendeu ao não pedir uma luta pelo cinturão. O norte-americano afirmou que seu último algoz, Aljamain Sterling merece desafiar Yan antes. Cory, então, sugeriu um confronto contra o ex-campeão, TJ Dillashaw, ou Frankie Edgar.

 

Ver essa foto no Instagram

 

Vou continuar batalhando pelos meus! Quem tá junto tá! Obrigado todos pela torcida Dezembro to de volta 🙏🏻👊🏻

Uma publicação compartilhada por 🎩 Magic Marlon Moraes (@mmarlonmoraes) em

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments