Com Khabib fora, Justin Gaethje desafia McGregor para luta por cinturão: ‘Estou aqui’

Derrotado pelo russo no UFC 254, norte-americano diz não ter lesões e projeta retorno rápido ao octógono; irlandês é primeira opção

J. Gaethje (foto) foi derrotado por K. Nurmagomedov no UFC 254. Foto: Reprodução/Instagram

Derrotado por Khabib Nurmagomedov no UFC 254, realizado no último sábado (24), em Abu Dhabi, Justin Gaethje não quer saber de descanso. Após perder a chance de unificar o cinturão dos leves (até 70,3kg.) contra o lendário russo, o norte-americano projeta um retorno rápido ao octógono e já tem o alvo ideal para tentar chegar ao topo absoluto da categoria.

PUBLICIDADE:

Veja Também

“Com Khabib se aposentando, sou o número um. (Dustin) Poirier e (Conor) McGregor vão lutar. Eles não tornaram oficial, então, se McGregor quiser saltar (o confronto) e pegar o cinturão, eu estou aqui”, afirmou Justin, em entrevista à ‘ESPN’.

Antigo campeão interino da categoria, Gaethje se apoia na popularidade de McGregor, que já ostentou o cinturão da divisão, para conquistar mais uma luta pelo título. O irlandês, no entanto, tem acordo verbal para se testar contra Poirier em evento que deve acontecer em 23 de janeiro, em Las Vegas.

PUBLICIDADE:

Conor não se apresenta desde a vitória sobre Donald Cerrone, em janeiro deste ano. Em 2020, o irlandês chegou a anunciar sua aposentadoria, após insatisfação com o UFC. O ‘Notório’, no entanto, voltou atrás e negocia o embate contra Dustin, que também tem um cinturão (interino) da categoria em sua prateleira.

Sem se abalar após o revés, Justin, que foi ‘apagado’ com uma finalização no segundo round, afirmou que segue motivado na tentativa de fazer história na divisão.

PUBLICIDADE:

“Eu levei provavelmente dois ou três grandes golpes na cabeça. Quando você é ‘apagado’ – eu não sou médico -, acredito que não há consequências sérias. Amo isso, e tem um cinturão livre agora”, finalizou.

PUBLICIDADE:

Podcast #46: Aquecimento para o UFC 270 com duas disputas de cinturão + Amanda Nunes fora da ATT e Jake Paul rico



Comentários

Deixe um comentário