Khabib apaga Justin Gaethje, unifica cinturão no UFC 254 e anuncia a aposentadoria no MMA

Russo promove estratégia perfeita, finaliza campeão interino se confirma como líder absoluto na categoria; após vitória, 'Águia' se emociona ao lembrar do pai e pendura as luvas

K. Nurmagomedov se emociona após vitória no UFC 254. Foto: Reprodução/Instagram

Emocionante! Na luta principal do UFC 254, realizado neste sábado (24), em Abu Dhabi, Khabib Nurmagomedov fez história e unificou o cinturão dos leves (até 70,3kg.) na luta contra Justin Gaethje. Após uma estratégia perfeita, o russo conquistou uma finalização, apagando o norte-americano com um triângulo no segundo round. Depois do confronto, aos prantos, o campeão anunciou sua aposentadoria no MMA.

Veja Também

VÍDEO: Assista à finalização de Khabib Nurmagomedov sobre Justin Gaethje no UFC 254
Khabib eterno: quem é o atleta por trás das 29 vitórias? Acompanhe a trajetória do russo, que deixa o MMA invicto
Dana confirma que Khabib lutou com fraturas no pé e enaltece russo: ‘O melhor peso por peso do mundo’
Em luta de tirar o fôlego, Robert Whittaker supera Jared Cannonier por pontos no UFC 254

O duelo significava muito para Khabib e sua equipe. Neste final de semana, o atleta se apresentou pela primeira vez sem os treinamentos do pai, Abdulmanap Nurmagomedov, que morreu no início de julho, vítima de complicações da Covid-19. Ao finalizar o rival, o russo não se conteve e chorou muito no octógono.

Depois de bater Gaethje, em entrevista ainda no octógono, Nurmagomedov retirou as luvas, anunciou a aposentadoria e garantiu que sem o pai não há sentido seguir se apresentando.

“Não vejo como continuar sem meu pai. Eu bati em Gatehje, apesar da recusa de minha mãe. Mas eu tinha um compromisso a cumprir. Essa foi minha última luta”, disse o ‘Águia’.

Caso mantenha oficial a ideia de pendurar as luvas, o russo deixa o esporte com um cartel perfeito. Foram 29 apresentações sem nenhuma derrota.

O revés de Justin encerrou uma ótima sequência do lutador. O atleta vinha de quatro grandes vitórias.

A luta

O duelo começou com Gaethje mantendo a distância para evitar as quedas do campeão linear. O norte-americano tomou a iniciativa com um chute baixo, enquanto Khabib buscava o melhor momento para atacar. Nurmagomedov também permanecia atento para não ser vítima da força bruta do rival. Justin conectou um cruzado, que explodiu na cabeça do russo, seguido de um chute baixo, que desequilibrou o campeão linear. O norte-americano defendeu duas entradas de queda em sequência e buscava não cometer um erro que poderia ser fatal. Gaethje voltou a atacar Khabib com um chute baixo. Na metade do round, Nurmagomedov surpreendeu o oponente com uma joelhada voadora, mas Justin mostrou raça e não balançou. Khabib se mostrava à vontade no confronto, mas era colocado em situação de perigo nos contragolpes. Perto do fim, o campeão linear conseguiu a queda, montou e ameaçou uma chave de braço, mas o norte-americano foi salvo pelo gongo.

Na segunda etapa, Khabib voltou perseguindo o adversário no octógono, caminhando para frente. Gaethje, no entanto, seguia perigoso com os contra-ataques. Mesmo caminhando para trás, Justin se defendia desferindo jabs e cruzados, que tocavam o campeão linear. Passado pouco mais de um minuto, Nurmagomedov voltou a derrubar o norte-americano e já buscou um triângulo. Justin tentava se defender, mas o campeão linear fazia força e acabou apagando o campeão.

Resultados do UFC 254

CARD PRINCIPAL

Peso leve: Khabib Nurmagomedov finalizou Justin Gaethje com um triângulo a 1m34s do R2 – Luta pela unificação dos cinturões

Peso médio: Robert Whittaker derrotou Jared Cannonnier na decisão unânime dos juízes (29-28, 29-28, 29-28)

Peso pesado: Alexander Volkov derrotou Walt Harris por nocaute técnico a 1m15s do R2

Peso médio: Phil Hawes derrotou Jacob Malkoun por nocaute a 18s do R1

Peso mosca: Lauren Murphy finalizou Liliya Shakirova com um mata-leão a 3m31s do R2

Peso meio-pesado: Magomed Ankalaev derrotou Ion Cutelaba por nocaute a 4m19s do R1

CARD PRELIMINAR

Peso pesado: Tai Tuivasa derrotou Stefan Struve por nocaute a 4m59s do R1

Peso casado (até 63,5kg): Casey Kenney derrotou Nathaniel Wood na decisão unânime dos juízes (29-28, 29-28, 30-27)

Peso meio-médio: Shavkat Rakhmonov finalizou Alex Cowboy com uma guilhotina a 4m40s do R1

Peso meio-pesado: Sam Alvey e Da Un Jung empataram na decisão dividida dos juízes (29-28, 28-29, 28-28)

Peso mosca: Miranda Maverick derrotou Liana Jojua por nocaute técnico (interrupção médica) a 5m do R1

Peso leve: Joel Alvarez finalizou Alexander Yakovlev com uma chave de braço a 3m do R1

 

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments