Empolgado com superluta, Adesanya elogia Blachowicz: ‘É um lutador sólido, estranho e poderoso’

Apesar de respeitar o número um dos meio-pesados, o campeão dos médios acredita que o final será semelhante ao do combate contra Paulo Borrachinha

I. Adesanya elogia J. Blachowicz. Foto: Reprodução/Instagram @ufc

Anunciada por Dana White logo após o UFC Las Vegas 12, a superluta entre os campeões Israel Adesanya e Jan Blachowicz pegou a comunidade do MMA de surpresa e dividiu opiniões. O número um do peso médio (83,9kg), que estava presente ao evento, realizado no sábado (31), nos EUA, não escondeu sua felicidade com o novo compromisso.

Em entrevista ao site norte-americano Submission Radio, Adesanya elogiou Blachowicz, admitindo que o polonês, de fato, representa perigo em todas as áreas, porém acredita que o duelo contra o número um dos meio-pesados será igual ao seu último, quando superou o poder de Paulo Borrachinha na base da técnica.

Veja Também

“A revanche contra Whittaker não me deixou empolgado, mas essa luta sim! Blachowicz é um bom lutador, perigoso. Ele é sólido no solo e estranho em pé. Ele apresenta muitos problemas, ainda mais possuindo o lendário poder polonês, mas todos os lutadores têm poder. Provei, na última luta, que não adianta ser poderoso, se o atleta não consegue chegar ao alvo. Não sou um lutador fácil de ser atingido”, disse Adesanya.

Aos 31 anos, Israel Adesanya protagonizou uma das ascensões mais rápidas no UFC. O nigeriano estreou na organização em 2018 e se tornou campeão do peso médio em 2019. ‘The Last Stylebender’ segue invicto no MMA, já realizou nove lutas pela companhia e superou grandes nomes do MMA, como Anderson SilvaRobert WhittakerYoel RomeroPaulo BorrachinhaKelvin Gastelum, Derek Brunson e Marvin Vettori.

Podcast #034: A volta de Borrachinha ao UFC neste sábado e a possível aposentadoria de Fedor

Comentários

Deixe um comentário