Empresário de Borrachinha pede combate pelo cinturão interino contra Whittaker | SUPER LUTAS

Empresário de Borrachinha pede combate pelo cinturão interino contra Whittaker

Wallid Ismail diz que combate pelo cinturão interino ‘só depende do Ultimate’ e aponta vitória do brasileiro

Empresário de P.Borrachinha pede combate pelo cinturão interino contra R.Whittaker: ‘É a melhor luta para a divisão dos médios’. Foto: Montagem SUPER LUTAS

Com o anúncio da superluta entre Jan Blachowicz x Israel Adesanya, válida pelo cinturão dos meio-pesados (até 92,9 kg.), o título dos médios (até 83,9kg.) pode ir momentaneamente para outras mãos. Ao menos é isso que deseja Wallid Ismail, empresário de Paulo Borrachinha. Segundo ele, o Ultimate deve promover um cinturão interino para o duelo entre o brasileiro e o ex-campeão da categoria, Robert Whittaker.

Veja Também

“Essa luta tem sido discutida desde que eles anunciaram que Adesanya enfrentaria o (Jan) Blachowicz. (…), o Dana White disse que quer o combate (entre Borrachinha e Whittaker) e que faria acontecer. Whittaker revelou que só lutaria pelo cinturão na próxima (rodada). Estamos apenas esperando que Dana marque essa luta”, afirmou Wallid, em entrevista ao site norte-americano MMA Fighting.

Wallid Ismail ainda cravou que Borrachinha irá vencer a luta e, em seguida, enfrentar Adesanya pela unificação do título dos médios. Ele apontou que o UFC ‘só tem a ganhar’ com uma possível revanche.

“Esta é a melhor luta para a divisão dos médios. Será o primeiro contra o segundo do ranking. (…), o Borrachinha vai vencer e imagine quantos (pacotes) pay-per-views (a organização) venderia em uma revanche contra o Adesanya. É um negócio. Eles se odeiam muito, mas não podemos deixar a divisão em espera. É por isso que temos que fazer isso para o cinturão provisório. É uma vitória para o UFC e é isso que o Dana White quer. Ele sabe que a luta entre Borrachinha x Whittaker vai vender bem e o quanto vai vender pela unificação do título”, concluiu.

Borrachinha vem de um revés justamente contra Israel Adesanya, em setembro de 2020, no UFC 253. Na ocasião, o brasileiro foi nocauteado no segundo round. Por outro lado, Whittaker bateu Darren Till, em julho, no UFC Ilha da Luta 3. Em seguida, foi a vez de Jared Cannonier sucumbir à força do australiano, em duelo válido pelo UFC 254.

O campeão dos médios, Israel Adesanya, vai tentar conquistar seu segundo cinturão contra o polonês Jan Blachowicz, que detém o título dos meio-pesados desde que nocauteou Dominick Reyes, em setembro. O combate será a atração principal do UFC 259, em Las Vegas (EUA), no dia 6 de março.

Comentários

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments