Julianna Peña acusa Amanda Nunes de fugir de luta: 'Parece que ela não quer me enfrentar' | SUPER LUTAS

Julianna Peña acusa Amanda Nunes de fugir de luta: ‘Parece que ela não quer me enfrentar’

Após vencer Sara McMann no UFC 257, norte-americana revela que combate contra Leoa é o ‘único que faz sentido’ na sequência

J.Peña venceu S.McMann com um mata-leão no UFC 257. Foto/Reprodução: Instagram

A peso galo feminino (até 61,2 kg.) Julianna Peña diz que não retira os comentários contra Amanda Nunes após a vitória contra Sara McMann no UFC 257 do último sábado (23). A campeã da décima-oitava edição do ‘The Ultimate Fighter’, que visa conquistar a oportunidade de disputar o cinturão da categoria já em seu próximo combate, acusou a ‘Leoa’ de estar evitando um confronto contra ela.

Veja Também

Julianna afirmou uma disputa de título é a única luta que faz sentido para ela no momento e admite que  ficou surpresa com a resposta de Amanda Nunes para seu desafio. Em sua conta pessoal no ‘Twitter‘, a brasileira publicou que a norte-americana ainda não alcançou o patamar necessário para desafiá-la.

“Eu não entendo. Ela me disse que lutaria comigo e agora está dizendo que eu não sou uma candidata (ao título). Para mim, parece que ela não quer me enfrentar. Não estou chateada e estou pronta para mudar isso em curto prazo, mas essa é a única luta que faz sentido para mim”, disse Julianna Peña, em coletiva de imprensa pós-evento.

Aos 31 anos, a norte-americana precisou se superar para conseguir retomar a carreira em alto nível. Isto porque, em 2014, ela se lesionou na preparação de uma luta contra a brasileira Jéssica Bate-Estaca ao romper os ligamentos laterais, anteriores e médios do joelho direito, além do menisco e do tendão. Atualmente, Julianna ocupa a sétima posição do ranking e conta com um cartel de 10 vitórias e quatro derrotas.

Amanda Nunes não se apresenta desde julho de 2020, quando defendeu seu cinturão dos penas (até 65,7 kg.) pela primeira vez. Na ocasião, a atleta superou a ex-campeã do Invicta FC, Felicia Spencer, em um confronto de cinco rounds. Agora, ela defende o título contra Megan Anderson no UFC 259, dia 6 de março.

Comentários

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments