Leon Edwards vai disputar o cinturão dos meio-médios, caso vença luta no sábado, crava Dana White | SUPER LUTAS

Leon Edwards vai disputar o cinturão dos meio-médios, caso vença luta no sábado, crava Dana White

Presidente do Ultimate confirma que inglês enfrentará o campeão da divisão, se vencer Belal Muhammad no UFC Las Vegas 21

L. Edwards (foto) não luta desde julho de 2019. Foto: Reprodução/Instagram

Há mais de dois anos esperando uma disputa de cinturão nos meio-médios (até 77kg.), Leon Edwards está mais perto do que nunca de realizar o sonho. Em entrevista ao ‘BT Sport’, o presidente do Ultimate, Dana White, confirmou que o inglês lutará pelo título, caso vença Belal Muhammad no UFC Las Vegas 21, neste sábado (13). O combatente será um dos protagonistas do último embate do espetáculo.

Veja Também

“100% (confirmado)”, disse White, quando perguntado sobre o próximo passo de Edwards, em caso de resultado positivo no final de semana.

Atual número três no ranking liderado por Kamaru Usman, Leon é um dos principais nomes da divisão há anos. Com oito vitórias consecutivas, o inglês não sabe o que é perder desde o encontro com o próprio campeão, em 2015, quando o nigeriano ainda não ostentava o título.

Inicialmente, Edwards estava escalado para enfrentar o novo ‘fenômeno’ da companhia, Khamzat Chimaev. O embate, porém, acabou adiado por duas vezes, até ser cancelado oficialmente, quando o sueco teve sequelas da Covid-19 e interrompeu a carreira por tempo indeterminado.

Na intenção de fazer história e dar um salto rumo ao top 5 da categoria, Belal Muhammad não se esquivou e aceitou o desafio de trocar forças com Edwards. O norte-americano, no entanto, não terá um período de treinos completo, já que se atuou pela última vez em fevereiro, quando bateu Dhiego Lima, no UFC 258.

Aos 29 anos, Leon, hoje, que não se apresenta desde 2019, tem um cartel com 21 compromissos como profissional no MMA. O atleta soma 18 triunfos e três reveses. Muhammad, de 32, tem a mesma trajetória do rival, com o mesmo número de vitórias e derrotas.

Comentários

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments