Campeã mundial de boxe prevê luta contra Amanda Nunes em até três anos | SUPER LUTAS

Campeã mundial de boxe prevê luta contra Amanda Nunes em até três anos

Medalhista olímpica e atual atleta da PFL, Claressa Shields se prepara para sua estreia no MMA e busca confronto contra lenda brasileira

C. Shields atualmente tem contrato com a PFL, mas ainda não estreou no MMA. Foto: Reprodução/Instagram

Invicta no boxe profissional, dona de quatro títulos mundiais e bicampeã olímpica, o currículo de Claressa Shields fala por si só na ‘nobre arte’. Disposta a fazer história nos esportes de combate, a norte-americana se prepara para sua estreia no MMA. Sonhando com o estrelato, a norte-americana pensa grande e já fala em enfrentar a lendária Amanda Nunes, antes mesmo de seu debute na PFL.

Veja Também

“Tenho três anos de contrato com a PFL. Enquanto evoluo, tudo o que eu quero é melhorar, ter mais experiência. Acredito que em dois anos ou três, eu e Amanda Nunes poderemos dividir o ‘cage’ (octógono). Será uma ótima luta”, disse a pugilista, em entrevista à ‘ESPN’.

Dona de uma técnica indiscutível na trocação, Shields sabe que, para enfrentar a ‘Leoa’ de igual para igual, terá de se dedicar ao máximo em outros quesitos. A combatente, no entanto, parece já ter traçado o plano de carreira nas artes marciais mistas e, assim, seu propósito pode ser conquistado em breve.

“As pessoas poderão falar: ‘mas ela (Amanda) é faixa preta nisso e Claressa só sabe boxer’. As pessoas ficarão ansiosas, porque sou muito maior do que ela e teríamos que nos enfrentar na divisão penas (até 65,7kg.) ou dos leves (até 70,3kg.). Também sou muito atlética. Eu sei como lutar. Ponto final. Então, acho que, se eu aprender outras modalidades do MMA, as coisas estarão a meu favor. Teremos uma ótima luta, sangrenta. Esse é o tipo de luta que eu gosto. Eu a verei em alguns anos”, finalizou.

Contratada pela PFL, Shields registrado sua adaptação para as artes marciais mistas em suas redes sociais. Recentemente, a bicampeã olímpica divulgou vídeos treinando com Jon Jones e recebendo ajuda de Holly Holm, na Jackson Wink MMA.

Mesmo focada na nova modalidade, Claressa de 25 anos, segue se apresentando na ‘nobre arte. No início de março, a norte-americana bateu a canadense Marie-Eve Dicaire, mantendo os cinturões da WBC (Conselho Mundial de Boxe), WBO (Organização Mundial de Boxe) e conquistando os títulos da IBF (Federação Internacional de Boxe) e WBA (Associação Mundial de Boxe).

Considerada por muitos como a melhor lutadora de MMA de todos os tempos, Amanda Nunes segue fazendo história no esporte. No último final de semana, a brasileira atropelou Megan Anderson e defendeu seu título dos penas pela segunda vez. A baiana também ocupa o ‘trono’ no peso galo (até 61,2kg.), onde figura no topo desde 2016.

Escute o Podcast SUPER LUTAS #22 com a partipação do árbitro Flávio Almendra

Comentários

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments