Tyron Woodley diz que deseja dar 'volta por cima' na carreira antes de aposentadoria | SUPER LUTAS

Tyron Woodley diz que deseja dar ‘volta por cima’ na carreira antes de aposentadoria

Com três derrotas seguidas, ex-campeão enfrenta Vicente Luque no UFC 260 e revela que pensa em retornar ao topo da divisão dos meio-médios

T. Woodley (foto) enfrenta V. Luque no UFC 260. Foto: Reprodução/Instagram

Considerado um dos melhores lutadores da história dos meio-médios (até 77kg.), Tyron Woodley não vive bom momento no Ultimate. O ex-campeão se diz incomodado com a sequência negativa de três derrotas seguidas e planeja ressurgir para vencer o duelo contra Vicente Luque, que ocorre no UFC 260 deste sábado (27).

Veja Também

“Eu me vejo controlando os caminhos que posso vencer. Eu treinei, coloquei meu corpo no ‘fogo’. Estou pronto para ir, atuar e dar a volta por cima. Eu farei isso contra o (Vicente) Luque e me concentro apenas em quem está na minha frente. Cada luta é uma luta e, depois disso, é pensar em outra grande luta e performance. Se eu puder fazer isso, acho que vou ficar bem”, disse Woodley em entrevista no media day do UFC 260.

Prestes a completar 39 anos, o norte-americano não vence um combate desde 2018, quando defendeu seu cinturão diante de Darren Till. Desde então, Woodley entrou em ação por outras três vezes, mas acabou sendo derrotado por Kamaru Usman – quando perdeu o cinturão, Gilbert Durinho e Colby Covington. Apesar disso, ele diz que não pensa em se aposentar em baixa.

“Desistir não é uma opção. Tenho que sair por cima. Não é assim. Não perdi a qualidade, embora eu tenha sido derrotado para três dos melhores. Ainda assim, eu sigo sendo um lutador melhor do que todos eles”, concluiu o lutador.

Embora não tenha vencido as últimas três lutas, Tyron Woodley ocupa a sétima colocação no ranking dos meio-médios. Atualmente, o norte-americano conta com um cartel de 19 triunfos, seis reveses e um empate na carreira.

Comentários

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments