Khamzat Chimaev diz que cogitou estar com câncer e detalha recuperação contra a COVID-19 | SUPER LUTAS

Khamzat Chimaev diz que cogitou estar com câncer e detalha recuperação contra a COVID-19

Sensação do Ultimate, sueco relembra treinamento em que tossiu sangue, mas afirma que está pronto para voltar ao octógono

K. Chimaev (foto) está invicto em nove lutas no MMA profissional. Foto: Reprodução/Instagram

Apontado como uma das grandes promessas dos meio-médios (até 77kg.), Khamzat Chimaev revelou que passou por duras sensações na recuperação da COVID-19. O lutador, que chegou a tossir sangue, ficou preocupado com sua saúde e chegou a pensar que teria câncer.

Veja Também

“Eu estava indo bem na volta aos treinamentos, então eles (médicos em Las Vegas) me disseram que eu poderia começar o treinamento cardiovascular. E eu me senti mal novamente. Fui ao banheiro e comecei a tossir sangue. Isso só bagunçou um pouco minha mente. Honestamente, isso me assustou e comecei a pensar que poderia estar com câncer. Estava doente há tanto tempo, por que isso não vai embora? Inúmeros pensamentos diferentes estavam passando por minha mente. Além disso, eu estava sozinho lá em Las Vegas, lutando para superar tudo”, relembrou Khamzat Chimaev em entrevista ao ‘RT Sports’.

A polêmica envolvendo o sueco começou depois que o atleta foi retirado da luta contra Leon Edwards por não ter se recuperado adequadamente da Covid-19, contraída em dezembro de 2020. Na ocasião, o atleta chegou a anunciar sua aposentadoria do MMA por não conseguir treinar em alto nível.

Agora, no entanto, Chimaev já aponta que pode retornar aos octógonos ainda no primeiro semestre deste ano e aproveitou para enviar um recado aos possíveis oponentes na divisão.

“Algumas pessoas morrem por causa dessa doença, mas eu não. Ainda estou aqui, infelizmente para os meus adversários. Se você está em forma, treinando o tempo todo, por que esperar dois, três, quatro meses? Quando estou em forma e sem lesões, posso lutar uma vez por semana”, concluiu o sueco.

Aos 26 anos, Khamzat possui um ‘cartel perfeito’ desde que estreou no MMA, em 2018. Com nove lutas no MMA profissional, o novo xodó do UFC nunca soube o que é perder.

Comentários

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments